Que Surpresa de Massagem 2


Click to this video!


Olá amigos, sou o Tano, massagista de 35 anos, 1,98, 90 kg. No conto anterior, atendi Jucelia, paciente de 46 anos, morena, 1,67.
Para minha surpresa, na semana seguinte, recebo uma mensagem da minha paciente deliciosa. Ainda não tinha caído a ficha, de que, num atendimento, tinha comida uma paciente, ainda mais Jucelia, que é um pedaço de mau caminho.
Ao receber o pagamento da massagem, imaginei que aquele episódio, tinha sido fato isolado, que ela se deixou levar pela leveza da mão do terapeuta, pela carência, pelo tesão, sei lá. Mas quando vi no whats, uma mensagem dela, dizendo estar com saudade das minhas mãos e do meu peso, percebi que a porra era séria mesmo.
Ela pediu uma massagem, porém, seria no final de semana, quando seu marido estaria em casa. Ela queria uma massagem e falou que ele estava com a coluna travada. Ronaldo sabia que sua mulher tinha sido atendida por uma massoterapeuta com “mãos de fada”, mas não sabia que tinha usado leite direto da fonte...
Fiquei preocupado, pois, nunca tinha acontecido nada parecido, na minha até então, breve carreira de massoterapeuta. Conversamos bastante sobre o ocorrido, ela me tranquilizou que ele não fazia ideia de que transei com a mulher dele, mas mesmo assim, um olho no olho, fala mais alto que qualquer outra coisa!
Conversamos na quinta, no final da tarde e marcamos uma consulta para 14:00 do sábado, logo após o almoço. Chegando ao local, Fui recebido na porta, pelos dois. Ronaldo, muito simpático, pediu para que eu ficasse a vontade e que fui muito elogiado por sua mulher, que estava até radiante e disposta. Mil coisas se passaram em minha cabeça naquele momento: o marido, sem saber que o amante de sua mulher, se tratava de tal, rasgava elogios para ele.
Pra quebrar esse clima de remorso, comecei a anamnese, perguntei o que ele sentia, histórico de doenças, como num outro atendimento. Pedi pra que ele sentasse na maca, segui o roteiro da quick massage, alonguei, sua coluna deu uns “creck” e ficou como novo. Ronaldo embarcaria para o litoral na manhã seguinte, a convite de um amigo. A urgência desse atendimento era, justamente pela viagem, pois iria pescar. Fiz o relaxamento, massageei suas pernas com óleo, ele ficou bem relaxado, o que acabou estendendo o atendimento. Ao final do atendimento, ele tomou banho, me chamou para tomar café com eles e recebeu um amigo, que o levaria para a praia. Achei estranha aquela situação: deixar uma esposa gostosa daquela, numa tarde de sábado, com um terapeuta, voltando apenas na quarta daquela semana...
Ela falou que iria aproveitar minha visita, pra fazer uma sessão. Despediu-se do marido, com um prolongado beijo, Ronaldo entrou no carro, ela voltou para dentro de casa, me pediu para aguardar e perguntou como estava minha agenda para o restante do dia e se eu poderia esperar ela tomar banho, para a massagem. Pra quebrar o clima, ela perguntou se eu não queria tomar uma ducha também, com aquele olhar sacana.
Entramos no banheiro, tiramos a roupa e, pela primeira vez, nos beijamos. Todo o sentimento de culpa foi quebrado ali. Ela olhou nos meus olhos e disse que não conseguia me tirar da cabeça, a ponto de baixar a luz do quarto, imaginando transar comigo. Entramos no Box, a ensaboei, lavei a xana dela. Na vez dela, Jucelia se mostrou com mãos habilidosas, dignas de quebrar a resistência de qualquer marmanjo.
Ela fez questão, de lavar meus braços, peito, barriga, pernas. Ao lavar as costas, ela começou na nuca e foi descendo. Estrategicamente, pegou meu pau, que já estava meia bomba, tocou uma punheta bem de leve. Com a outra mão, continuou nas costas, descendo para minha bunda. Fiquei sem reação, mas confesse que suas mãos ariscas, me deixaram indefeso. Dei um suspiro e ela percebeu minha reação. Olhando com sua cara de devassa, terminou aquele carinho, saímos do banho e deitamos em fomos para o quarto. Ela deitou em sua cama, de pernas abertas, coçando o grelo me chamando, relutei, pois tinha acabado de conhecer seu marido, quando ela falou que teria uma foda inesquecível e surpreendente. Minha curiosidade falou mais alto e fui até a sala, pegar minha bolsa, pois ainda estava ali, pra massageá-la. A deitei na cama, fiz uma massagem bem erótica, no final, chupei muito seu grelo, com direito a gozada na minha boca, com seu consolo, que estrategicamente, estava embaixo do travesseiro.
Ela pediu pra socar em seu rabo, o consolo de 18x4. Ela urrou, quando gozou com uma pica de borracha, pedindo pra socar tudo.
Depois daquela gozada, ela falou que procurou na net, técnicas de massagem e que eu seria o premiado em ser sua cobaia. Mandou-me deitar, pegou o óleo e deslizou nas minhas costas. Acariciou meus braços, pernas, subiu pra minha bunda e deslizou sua mão lambuzada, no meu saco. Mandou-me virar de frente, abocanhando meu pau e me deixando indefeso, enterrou um dedo no meu cu, só na entrada. Sentiu um choque que foi do quadril até a nuca. Ela percebendo, aumentou a intensidade da mamada e sorrateiramente, pegou seu consolo e colocou a cabeça no meu rabo. O tesão era tanto, que entrou a cabeça toda daquele mastro. Mil coisas passaram pela minha cabeça. Não queria que aquele momento, acabasse nunca.
Dona da situação, viu que eu estava entregue, sendo deflorado que uma pica de borracha, enfiou até metade, me arrancando um urro de dor e prazer. Falou pra eu relaxar, pois eu havia adorado e aquilo, seria só o começo.
Num lampejo de sobriedade, me libertei daquela currada forçada, com o pau duraço, a joguei na cama e caí novamente de boca em seu grelo, agora atolando com força, seu brinquedo que acabara de me deflorar até o talo. Ela gritou, pedindo pra que eu deixasse aquele consolo no rabo dela e atolasse a vara no útero dela. Para contrariar e facilitar a dupla penetração deitei e mandei-a sentar com o cu no meu pau, pra masturbar sua buceta com o consolo. Quando o consolo entrava, meu pau enterrava no seu reto, arrancando urros de prazer. Cadenciava o ritmo, depois empurrava rápido, a torturando de prazer.
O fato de ela ter deflorado com meu cu, mexeu com meus brios, revelando a devassidão em mim, a ponto de jogar pro lado seu brinquedo, pegá-la de frango assado, enterrei em sua buceta, atolando meus 19x5 em seu útero, com força, que até então, tinha sido com doçura.
- Safada devassa, gosta de pica preta no útero?
- Bom mesmo, é sentir leite de macho pausudo na buceta.
Aquela mulher sabia desafiar. Sabia manipular um macho, induzindo-o a fazer, exatamente o que ela queria.
-Tem medo de tirar essa capa e sentir meu útero te mordendo?
Tirei da buceta, enterrei no cu dela, arrancando gritos de prazer. Sem cadenciar, logo veio outro orgasmo, dessa vez pelo cu. Sentindo que ela acabara de gozar, soquei de novo na buceta, fazendo explodir outro orgasmo.
-Assim você me mata.
-Quem manda você desafiar seu macho...
Caímos quase desfalecidos na cama.
- Você não sai dessa casa, esse fim de semana. Desmarque todos seus compromissos, que sua agenda, será preenchida pela Jucelia.
O fim de semana, apenas começou...
Foto 1 do Conto erotico: Que Surpresa de Massagem 2

Foto 2 do Conto erotico: Que Surpresa de Massagem 2


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario olavandre53

olavandre53 Comentou em 13/06/2017

Amei o conto e adorei as fotos, pois sou louco por levar dedadas no cu, principalmente quando me fazem um boquete. Votei. Bjus

foto perfil usuario oliveira956

oliveira956 Comentou em 13/06/2017

Que devassa gostosa.Conto muito tesudo.Votado.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


101799 - Que surpresa de Massagem! - Categoria: Heterosexual - Votos: 17
103300 - Que surpresa de massagem 3 - Categoria: Heterosexual - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil massagistanegro
massagistanegro

Nome do conto:
Que Surpresa de Massagem 2

Codigo do conto:
101908

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
13/06/2017

Quant.de Votos:
14

Quant.de Fotos:
2


Online porn video at mobile phone


contos eroticos meus chefes estruparam minhacontos eróticos grátis comi meu sobrinho gay virgemConto erótico sacanagemconto eu rotico eu rotico fui pasia acabei me perdendo e fui estrupadadp no cu da cunhada conto,conto casada tinderCantos eroticos alimentado o corno de porraConto novinho da o cuzinho bebadoContos eroticos cheirando calcinhas no banheiro da lojade sirgir blog comda sikis indir[email protected]saite porno desfilando nua ou votacao nuamulheres de 30 anos rabudas pag1esposa na praia de nudismoquero ver conto erótico Fogo com f****** com a noraporno bebeu demas e foi estrupada com pepinotezudo de calça coladamulheres biscatinhas peladinhasporno contos eroticos comi minha maecasada deu pro primo roludo que saiu daprisao contocontos eróticos violadas por mlkscontos.gozei como louca na pica do meu filhocasada dogging carromeu irmão rasgou minha bucetinhacontos eroticos meu pai na piscina comigo na infançiacontos de desmaiei com a pica grande rasgando o meu cuzinhoConto meti meu pau de.28cm. No cu da maninhameu amigo chamou pra jogar video game i contos eroticoscontos eróticos papai meu amorcontos eróticos papai meu amorputaria punheta sem experiênciaquadrinho estuprada conto na praiaMae devassa e puta incestoconto erotico adoro socar a calcinha no cuconto erotico cunhada masturbandodei parA aluno novinho conto eroticoContos eróticos chupadas na buceta pelo chefinho gato e gostosoContos ero onibus masturbconto erotico transex virgindadeAi que delicia me fode gostoso mais forte mete tudo conto eroticoContos.encesto.doparo.mamaeconto gay amante ciumentoContos eu fasso meus sogros de putas fodo ele e sogrameu sogro me pegou de jeitocontos corno manso milfconto peituda se assanhando pro molequesentando na pica do vovô contos eroticos de incestodei a xana contos eroticos879056 vidio pornoconto o macho da minha mulherContos eróticos:meu querido professorConto erotico gay amigo do meu pailevei chifre contoconto erotico com o anaovideos mulher dando para 3sexoselvagemSoca esse pauzão na minha buceta arromba essa puta contosmaesuruba contos eroticoscontos eroticos irma espiando paicontos eroticos pau do paiContos erotico madrasta de fio dental com bucetao cabeludacontos eróticos tia inrustidaContos erótico de travestis ativos no ônibusCONTOS EROTICOS DE NOVINHAS FUDIDAS PELO CAVALOrelatos eroticos ate que enfimgostosa de olhos verde de beibidol transparente pornocontos eróticos sentandoconto mastubando com meu paixvideos incesto tento resistirfilho cheirando a cueca do pai porno gayno carnaval conto eróticoContos e fotos de sogras que gosta de pau grandedp gostosa cm negao. conto erot.cunhada janile bem novinha tarada pra fude contos eroticoscontos eroticos d pai ou irmao vendo a filha ou a irmao transando com o namoradoContoeroticofodicontos eróticos sou viciada em putaria sou putonaMelhor transa contosconto erotico.sexo selvagem me bate mete porra mete caralho grita porra grita alto caralhoo mete mete filho ds puta louca depravada goza como uma cachorra incestocontos morenao pintudo me comeu no mato seu corno chifrudocontos erroticos de incertos filha amante pai 2017conto trocaram de mulher e foderaoaconto minha tia tímidacontos eróticos comi uma mulher com minha esposa olhando deliciaconto erotico gey com foto o pedreiro negãocomeu meu cuzinhoporno gay de dragon ballconhecendo senhora conto eroticorelatos sexuais feminino casais amigos jogando strip pokerconto visita em casa de amigo