O Macho da Minha Filha - Me Fodeu Beijando.


Click to Download this video!


O MACHO DA MINHA FILHA
Eu já não tinha certeza se ele era o macho da minha filha, mas sabia que infelizmente não era o meu, o que eu sabia é que ele quem mandava, quando Daniel terminou com minha Angel ela ficou arrasada, depois de terminar ele ainda deu uma com ela de despedida, e sempre que ela começava a sair com outro cara ele voltava e comia, algumas vezes na frente do cara, e depois se afastava de novo. Comigo, ele manteve o mesmo padrão de antes, sempre se fodia ela voltava depois para me foder, também começou a foder a minha ex esposa só pra dizer que estava comendo a família toda, ela não merecia um macho tão gostoso.
Eu estava saindo do prédio para uma balada quando ele me ligou.
- Oi macho. – Eu disse ao atender.
- Me pega aqui em casa que eu quero socar nesse rabão hoje.
- Ok, eu chego aí em meia hora.
Ele desligou e eu fiquei por alguns momentos sem acreditar que ele tinha me ligado, fazia tempo que ele não ligava, e geralmente ele só me comia depois de comer a Angel, acho era um tipo de fetiche, voltei pra consciência e sai da garagem, fui direto para o prédio onde ele morava com o pai tão gostoso quanto ele e o padrasto que merecia o pai, mal parei e ele já estava abrindo a porta do carro.
- Carrão em cadela, pula pro outro banco que eu vou dirigindo.
Eu obedeci, ele adorou meu carro, aparentemente o pai e o padrasto iriam comprar um carro para no próximo aniversário, ele colocou aquele cacetão grosso e grandão para fora, quem olhasse pela janela do carro provavelmente veria parte do mastro erguido, já tinha uma gota de porra escapando pela cabeça, senti o azedinho no canto da língua que a gente sente quando esta salivando, alisei e ele disse:
- Mandei você pegar cadela?
- Desculpa macho, é que é muito gostoso.
- Tira essa mão caralho, só pega quando eu mandar.
- Se você quiser eu te chupo enquanto você dirige. – Eu disse.
- No farol, que se você ainda tiver aquele boquete gostoso eu vou acabar batendo seu carro.
- Eu compro outro.
Quando ele parou no sinal vermelho eu abocanhei o cacetão e comecei a sugar do jeito que ele gostava, sugava sentindo o gosto da porra dele, o pauzão era tão grosso que quase não cabia na minha boca, eu sugava sentindo as veias do cacetão nos meus lábios, ele segurou minha cabeça e me deixou com o pauzão cravado na garganta, meus olhos até lacrimejaram, ele ficou segurando minha cabeça depois soltou e disse:
- Mama cachorra! Chupa.
Continuei mamando até perceber que ele estava falando com uns veadinhos de outro carro, ele me puxou pelo cabelo e disse:
- Da um oi pra esses veados.
- Oi – Eu disse
- Você quer ajuda – disse um dos veados no carro.
- Não. – Eu respondi.
Os veados continuaram seguindo a gente, e até tentaram jogar um celular no carro, ele fechou a janela, as gays não ganharam nada, eram feias, ele gosta de gay bombado igual ele só que mais velho, e de preferência com rabão, igual eu graças a Deus.
- Você tem que ensinar a bucetuda da sua filha chupar um caralho igual você, sua puta, aquela cavala já é gostosa, se aprender a chupar assim então.
Quando entramos no apartamento ele já me pegou, a mãozorra grande apertou minha bunda com força, ele fez isso silvando, eu ofeguei, já estava salivando quando ele começou a me beijar, a boca gostosa cobriu a minha me degustando, as mãos me devorando, uma no rabo e outra no peito, os beijos estavam molhados e me faziam salivar mais, aproveitei porque geralmente ele não me beijava, só usava minha boca para socar aquela rola grande e gostosa.
- Hoje eu vou te foder beijando piranha.
Minha mão já estava esfregando o cacete dele a muito tempo, dessa vez ele não ligou, aquele cacetão duro pulsava na minha mão, ele me olhou e disse:
- Ta arrumadinho assim por quê?
- Estava indo pra uma balada.
- Ah é? Quer ir pra balda ou que sentir o cacetão?
- Quero sentir esse cacetão gostoso.
- Esse cacetão aqui, que deixou sua filhinha rabuda toda arregaçada?
- Esse cacetão que deixa ela molhadinha e depois deixa ela com a bucetinha toda inchada.
- Bucetinha sua filha? Aquela cavala tem um bucetão gostoso todo inchado, com um grilo bem durinho, a cadela é rabuda e gostosa igual o pai.
- Você fodeu ela hoje?
- Nada, ela ta chorando, me manda umas 1000 mensagem todo dia querendo levar vara.
- Tadinha.
- Quer que eu vou lá socar na rabuda? Ai você pode ir pra sua baladinha.
- Não – segurei aquele cacetão como se pudesse segurar o macho ali e pensei “perdão filha”
- Hoje eu acordei na sede do seu rabão piranha.
Ele me virou de costa e passou a mão no meu rabo com a sede que começou, eu me empinei e quando percebi minha calça já estava no chão, sem tirar minha cueca ele continuou acariciando meu rabo, eu abria bem as pernas para sentir a mão dele preparando o meu rabo para levar aquele cacetão grande e grosso, então ele tirou minha cueca, mordeu meu rabo, deu um tapa que deixou as marcas das digitais.
- AAiiiiiiiiiiii – eu disse, sabia que ele adorava ouvir isso.
- Que foi cadela doeu? – Ele disse e deu outro tapa.
- Não macho.
- Coloca esse rabão na minha cara vai.
Ele se ajoelhou e eu abri bem as pernas para a língua dele, ele mamava tão bem um cu quando arregaçava, minhas pernas tremiam e eu abria mais o rabo, a linga e o lábios dele acariciavam e sugavam, esporadicamente ele dava outro tapa, segurava meu rabo com as duas mãos.
- Rabão gostos você tem heim cadela. – Ele disse antes de dar mais um tapa, eu empinei bem o rabo e empurrei contra a cara dele, ele continuou me sugando por um tempo, depois se levantou e esfregou o pau contra meu rabo, senti um arrepio no corpo todo, o machão gostoso, todo bombadinho e roludo me abraçou e me puxou para ele, falou bem no meu ouvidinho:
- Sente o cacetão que ta fazendo a cavala da sua filha sofrer, sente.
- Delicia – eu disse esfregando o rabo no cacetão.
- Você e sua filha são duas piranhas bem gostosa, mas você é mais.
- Mais piranha ou mais gostosa? – Eu perguntei sem parar de esfregar, estava tão duro que eu não conseguia rebolar nele direito.
- Mais piranha e mais gostosa. – Ele respondeu – engole o cacetão com esse rabão, engole.
Eu comecei a dar uma ré para trás mas parei com um espasmo assim que a cabeça começou a abrir meu cu, depois continuei, ele foi entrando, recheando e cravando dento do meu cu, quando estocou no fundo até perdi a respiração, comecei a respirar ofegante, ele me deu um mais um tapa, depois me puxou e beijou, quase me derreti, ele quase nunca beijava, e beijava tão bem.
- Falei que ia te foder beijando né piranha? – E mais beijos, todos tão molhados quanto o primeiro, seguido de mordidas na orelha e no pescoço que faziam e me desmontar nos braços musculosos dele.
- Assim eu me apaixono.
- Então vai ficar você e sua filha chorando por causa da minha vara, as duas rabudas apaixonadas.
Ele começou a socar, primeiro de leve, senti o cacetão todo me alargando, parou um pouco, o pauzão calibre 22 todo atolado em mim, beijou mais.
- Rabão gostoso. – Ele disse ante de voltar a foder a abandonar o carinho e socar com força, cada marretada daquele pauzão no meu rabo parecia que me explodir todo por dentro, ele segurava minha cabeça e beijava na boca e no pescoço, só os beijos interrompiam o barulho que eu fazia gemendo, as marretadas eram tão gostosas e tão forte que eu quase não me aguentava em pé, me apoiava segurando na parede, mas tinha a impressão que cairia no chão feito um boneco inflável esvaziando caso ele me soltasse.
- Isso, berra, gosto de ver você assim gemendo igual uma putinha, igual a rabuda da sua filha.
- Mas como é que não vai gemer com um macho gostoso desse socando?
Ele se sentou no sofá e eu sentei em cima, ia sentar devagar, mas ele socou com tudo, eu gritei, era tesão demais aquele cacetão cravado, fiquei de frente para ele.
- Rebola esse rabão na vara do seu macho.
- Assim – eu rebolei, o cacetão cravado mexia na altura do umbigo, senti até cólica, aquela cólica deliciosa que parece quando a bexiga está cheia.
- Isso minha cachorrinha
Ele me beijava, parecia que minha boca tinha um doce e ele estava tentando roubar de mim, segurava minha cabeça coma as duas mãos e beijava.
- Tá gostosa a rola do seu macho, tá?
Agora ele beijava meu peito igual beijava minha boca, eu estava em êxtase, rebolava com mais vontade no cacetão calibre 22.
- Delicia, delicia de macho, delicia de rola.
- Quica na vara agora, quica!
Eu obedeci, mas quiquei com tanta vontade que na primeira já senti como se aquele cacetão estivesse me atravessando, bateu no fundo do estomago, tomei folego e comecei a quicar de novo, ele colocou as mãos na cabeça e ficou olhando.
- Isso cachorrinha, quica no seu macho.
Fiquei quicando durante um tempo, de repente ele se levantou me segurando e ficou me fodendo em pé no colo dele, ele era bem mais forte que eu imaginava, assim o cacetão calibre 22 arrebentava o fundo do meu cu, depois ele me levou até o quarto da Angel, me jogou na cama, com o corpo em cima do meu ficou fodendo e me beijando, mamando meu peito, depois tirou e me virou de bruços.
- Caralho cachorrinha, quantas vezes você entrou na fila de distribuição de rabo? Gostosa.
Ele me deu um tapa, virei a cabeça para agradecer o elogio, mas antes que eu fizesse o cacetão entrou rasgando e socando com tanta força que perdi a capacidade de raciocínio, um pé dele estava no chão e outro na cama quase do lado da minha cabeça, o cacetão entalava inteiro com uma paulada que me afundava no colchão, e quando saia quase me suspendia, estava gostoso para caralho, foi quando ele parou e me virou de frango de novo.
- Vou gozar, vou gozar te beijando putinha
Ele voltou a socar até começar a urrar dento da minha boca, urrou tão alto que ecoou na minha mente, me apertou com força, fiquei sem ar, ele parou, respirou fundo, me mostrou a camisinha derramando porra, depois eu sentei no pauzão calibre 22, todo lambuzado e fiquei quicando com ele me masturbando até eu gozar também, meus gemidos foram abafados pelos beijos dele.
- Agora eu quero foder mais, não mandei ficar gemendo na minha vara assim, senta aqui.
Como se fosse algum castigo sentar naquele cacetão, e como se fosse possível sentar naquela vara sem gemer, sentei de frente para ele, ele ficou socando enquanto eu beijava aquela boca gostosa, gemendo na cara dele, com ele olhando para mim com cara de carrasco, não aguentei muito, quando percebi estava gozando, ele me levou para foder no chuveiro, gozamos mais umas duas vezes antes de dormir, quando acordei chupei ele até gozar, então ele pegou o telefone e discou o número da minha filha.
- E ai cadela, afim de levar vara? Tô indo pra casa do seu pai, me encontra lá.
Em menos de 40 minutos Ângela já estava gemendo naquele cacetão grosso calibre 22.
Foto 1 do Conto erotico: O Macho da Minha Filha - Me Fodeu Beijando.

Foto 2 do Conto erotico: O Macho da Minha Filha - Me Fodeu Beijando.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario rickboxer

rickboxer Comentou em 11/09/2017

Tesão do caralho fiquei todo molhado só de ler!!

foto perfil usuario funkup

funkup Comentou em 10/09/2017

Votado, já comecei o domingo gozando.

foto perfil usuario theavenger

theavenger Comentou em 09/09/2017

Parabéns pelo conto me deixou de rabo piscando que filha sortuda essa a sua hein que cassetão gostoso olha esse abdômen delicioso e você é uma delicia com esse corpo narrador




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


97341 - André, O Marido Safado - Categoria: Gays - Votos: 19
97398 - Abelardo, O Dotado. - Categoria: Gays - Votos: 12
97539 - As aventuras de Samuel e Camila - O projeto do corno - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
97632 - Entre pais e filhos - Categoria: Gays - Votos: 35
101333 - Que isso filhão - Categoria: Gays - Votos: 21
101528 - Abelardo O Dotado - Destruindo o Cu do médico. - Categoria: Gays - Votos: 19
101611 - O macho da minha filha - Categoria: Gays - Votos: 22
101634 - Entre pais e filhos - Que isso filhão? 2 - Categoria: Gays - Votos: 26
101697 - Abelardo O Dotado - Castigando O Namorado - Categoria: Gays - Votos: 8
102345 - Abelardo O dotado - Fodendo no chuveiro. - Categoria: Gays - Votos: 10
102367 - O tio sedento - Categoria: Gays - Votos: 20
102382 - Os novinhos Dotados - Fodendo na Escola - Categoria: Gays - Votos: 26
102516 - Entre pais e filhos - Gemendo na Vara do Filhão - Categoria: Gays - Votos: 12
102616 - O Macho da Minha Filha - Socando Forte. - Categoria: Gays - Votos: 10
102626 - O Tio Sedento - Gemendo na Vara do Irmão. - Categoria: Gays - Votos: 19
102648 - Os Novinhos Dotados - Chora Professor. - Categoria: Gays - Votos: 15
103130 - O Pedreiro - Categoria: Gays - Votos: 16
103477 - O Maromba Passivo - Amor nada eu quero é rola. - Categoria: Gays - Votos: 9
103521 - O Tio Sedento - Matando a Sede - Categoria: Gays - Votos: 10
103987 - Fode Meu Pai Que Eu Fodo o Seu - Os Novinhos Dotados. - Categoria: Gays - Votos: 32
104178 - O Maromba Piranha - Putinha Do Pauzudo - Categoria: Gays - Votos: 10
105370 - Fode Meu Pai Que Eu Fodo o Seu 2 - Os Novinhos Dotados - Categoria: Gays - Votos: 14
105566 - Meu Filho Adora Uma Geba Preta - Categoria: Gays - Votos: 14
105683 - Fode Meu Pai que Eu Fodo o Seu - Os Novinho Dotados - Categoria: Gays - Votos: 12
105795 - Abelardo O Dotado - Arrombado o Cu do Dono da Academia. - Categoria: Gays - Votos: 11
106213 - Pai e Filho Pauzudos - Visita Booaaa ! - Categoria: Gays - Votos: 14
106383 - Abelardo O Dotado - Fazendo o Namorado Gemer Feito Uma Puta. - Categoria: Gays - Votos: 10
106736 - Pai e Filho Pauzudo - Fodendo o Chefe do Paizão - Categoria: Gays - Votos: 7
107428 - Meu Filho Adora Uma Jeba Preta - E Eu Também. - Categoria: Gays - Votos: 25
107528 - O Alemão Pauzudo e o Namorado de Pintinho Pequeno (O Maromba Piranha) - Categoria: Gays - Votos: 13
108543 - Fode Seu Pai Que Eu Fodo o Meu - Os Novinhos Dotados. - Categoria: Gays - Votos: 8
108971 - Roubando o Macho do Filho - Categoria: Gays - Votos: 6
125701 - O Bodybuilder - Levando Vara na Porta - Categoria: Gays - Votos: 10
126086 - O policial e o GP - Macho até ver o Cacetão - Categoria: Gays - Votos: 13
127558 - Abelardo o Dotado - Tirando a Marra do lutador de MMa - Categoria: Gays - Votos: 14
127631 - Que Isso Filhão (continuação) Papai Gosta Mamãe Quer. - Categoria: Incesto - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil narradorsilva
narradorsilva

Nome do conto:
O Macho da Minha Filha - Me Fodeu Beijando.

Codigo do conto:
105882

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
09/09/2017

Quant.de Votos:
18

Quant.de Fotos:
2


Online porn video at mobile phone


wwwxvideo negrão taradinho cume a filhacontos eróticos lésbicos mulatas casadas comendo sobrinha com consultas tia pelada no banhoultimos contos sadocontos eroticos mae e filha estuprada por assaltante na delegaciaprima damo chota pro primoFotos de travesti querendo amante para fudelasconto erótico meu cachorro me comeu com shortinho atoladoso foto dinovinha querendo xupa como edesquitadas nuasCONTO MEU FILHO ME COMEdei pro meu irmao contofiz sexo com meu cunhado contos gayConto erotico novinha grita na pica do cavalocontos de sexo casada traindo com picudo e a filha ouvido tudoconto erótico de prestador de serviço e meu marido viuconto de sexo comi o cu da minha vóhistoria quadrinhos pron com o chatagistaminha duas sobrinhas gostosas me seduzindo conto eroticodescabacei a buceta da crentizinha magrela a fora - contos eroticoscontos mãe bêbadaconto erotico deportuguesa que mete os cornos ao marido conto gratisquadrinhos eroticos promotora gostosacontos chantagiei os meus empregados pra poder comer amulher e as filhas deleswww.penetraçao dupla com dog contoPapaimetemaissexo com çdu filho novinho conto eroticocontos eroticos trai meu marido com um pirocudo e fui descobertaxvedeo no portao vizinhacontos eróticos maninha viciada no pau grandeCasadas putas e fudedeira contoscontos eroticos gay meu pai de vinte anos me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscontos com fotoscfm de casadas bucetudasver fotos de desenhos em quadrinhos eroticos gay.mindingo fudendo o amigoconto tia sem vergonha no banhocontos eróticos titio abusou de mim quando cuidava de mim gaygozando na mamae quadrinhoconto erotico em quadrinhõviadinho meu pai tem um bar contos eróticos conto flagracontoeroticosafadinhopai roludo fodefilha igoza dentro delaContos eróticos- meu sogro me arrombou o meu cuxxx gay. pai e filhocontos gay virei puta do molequefilhaputacontopornp vovó e a neta conto pornoContoeroticobacanalfotos dê jeba descomunalpai sai do banheirode pau durocont eritico lambida na buceta por um filhotecontos eroticos esposinha e o inquilino negaoConto amamentando o vizinhocontoeroticodesdecedo[email protected]contos eroticos incestuoso minha filha minha amanteContos erotico enteada virgem escutando madrasta chorando no picao do padrastoxvideis 2017comi a minha tiaconto gay com amigo brincalhãosexo gay conto erotico gay chiquititasos convidados comeram minha mulher hentai e contos eróticosconto erotico sentei no colo do meu padrasto 2017Contos eroticos cretinhas novinhasconto dei para meu inclinomamae tem sonhos eroticos e acorda o filho com uma chupadabocetinha a11www.contospornocomanimais.com.Conto erotico tive que dar minha filhaporno em quadrinhos com gostosasa rola enorme do meu concunhadoxvideos miuchacontos eróticos gay entre colegas da escolacontos com fotos cfm casadascontos eroticos sou casada minha amiga scat deliciosoConto erotico de meninacontos tio chupando sobrinho quando dormia