Quem manda ser curioso


Click to Download this video!


Oi meu nome é Fred, moro numa cidade do interior, em uma fazenda, meus pais são lavadores, eu sou o caçula de três irmãos, o meu irmão do meio Pedro é 3 anos mais velho que eu, e o irmão maior Celso tem 6 anos de diferença, todos ajudamos meu pai na roça, eu e minha mãe cuidamos da casa, da alimentação dos animais, meus dois irmãos e meu pai da plantação, nas horas vagas eu brinco com os filhos dos vizinhos, tem o Serginho, a Ritinha, filhos do compadre Beto, e com Roberto e Carlos, filho de seu Chico, um outro vizinho, sempre brincamos no riacho próximo de casa, foi em uma tarde, terminei rápido minhas tarefas e corri para o riacho, quando cheguei não encontrei ninguém, então resolvi ir na casa de Roberto e Carlos chamar eles, tinha que passar pela mata e foi indo que escutei vozes bem baixa, fui seguindo até que me deparei com uma cena que me deixou assustado e excitado, eu era moleque mais já sabia de certas sacanagens pois via os animais se acasalando, então vi seu Chico pai de Carlos e Roberto que era viúvo, chupando a perereca de Ritinha que estava deitada no chão sem calcinha enquanto se Chico passava a língua na bucetinha e no cuzinho de Ritinha que gemia, fiquei parado escondido, só olhando foi então que ele arriou sua calça e apareceu um cacetão enorme, nunca vi algo tão grande e duro daquele modo, ele roçava, na porta da buceta e no cuzinho de Ritinha que gemia e dizia que era muito grande e não caberia dentro dela, e era verdade, ele forçava, roçava mais aquilo nunca entraria na Ritinha, ela era bem menor que eu, então ele mandou ela ficar lambendo e punhetando aquele cacetão ate que ele jorrou muito leite na boca e cara da Ritinha, foi então que eles se limparam e ele mandou ela guardar segredo, e que eles se encontrariam no dia seguinte no mesmo lugar para brincar de papai e mamãe, ritinha concordou e foi saindo em direção ao riacho e seu Chico se arrumou e veio em direção a mim, me escondi ele passou e não me viu, deixei ele ir na frente depois de uns minutos eu fui, cheguei ele estava fumando um cigarro de palha todo satisfeito tinha gozado na boquinha de Ritinha e Carlos e Roberto brincando de bola, falei alo, ele me chamaram para jogar, eu brinquei, e as vezes olhava seu Chico, só agora notava como ele era grande mesmo, forte moreno e vinha na minha cabeça aquele pirocão, fiquei com aquilo na minha mente, brinquei bastante, me despedi fui para casa, no dia seguinte fui no mesmo local com cuidado e lá estava Ritinha sendo de novo chupada pelo seu Chico e ela chupando aquele pirocão, eu estava com meu pintinho durinho, então ele tentava meter na xaninha dela e não conseguia, e no cuzinho é que ela mais reclamava, acho que ele conseguia entrar pelo menos a pontinha do cacetão, o cara gemia bufava parecia um cavalo cobrindo uma égua, até que ele se levantou, mandou ela mamar até que gozou, se limparam e eu vi ele dando algo na mão dela, olhei bem e vi uma nota de dinheiro, meus olhos brilharam, era dinheiro, Ritinha se limpou e saiu, seu Chico se arrumou e veio em minha direção só que quando eu estava me arriando, ele sentiu que alguém estava espiando, o cara era experiente, passou por mim como se não tivesse notado, eu relaxei e quando eu estava indo ele saiu de trás de uma arvore e pegou meu braço, e falou, o que você estava fazendo aqui seu moleque, o que você viu seu safadinho, eu fiquei branco, nem me movia, ele estava furioso, eu tinha visto ele molesta Ritinha, eu falei que não vi nada, mais ele sabia que eu tinha visto, então ele me levou onde estava com Ritinha, me colocou sentado no chão abriu as calças, colocou aquele cacetão de fora e disse, já que você não viu nada agora você vai ver, segurou minha cabeça e começou a passar aquele pirocão na minha cara e nos meus lábios, deu um grito mandando eu abri a boca, e quando abri ele meteu aquele cacetão goela abaixo quase fiquei sufocado, o cara metia na minha boca, fazia o que não conseguia com a Ritinha eu chupando a força seu Chico, depois de algum tempo ele me deu um tapa na cara eu cai deitado ele me virou puxou meu short e começou a chupar meu cu, como fazia com Ritinha, ele dizia, agora sim neste rabo eu consigo entrar, eu estava apavorado só lembrando dele tentar enfiar aquilo no cu de Ritinha, já começava a chorar pedir para ele não fazer, foi perda de tempo, quando ele viu meu cuzinho bem melado deitou sobre mim colocou o cabeção na meu furinho e começou a forçar, nossa eu chorava pedindo para ele não meter, mais ele nem me escutava, a cabeçona começou a entrar ele viu que que estava conseguindo tapou minha boca e deu uma pirocada certeira que entrou me rasgando, só parou quando o sacão encostou no meu cu, nessa hora as lagrimas desciam pelo meu rosto, não tinha nem fôlego para gritar, meu cu ardia demais, ele ficou um pouco parado e disse, hoje eu consigo matar esse meu tesão acumulado, até que em fim consegui meter num buraquinho quentinho e apertadinho e começou a bombar, até que deu um gemido e gozou, gozou muito dentro de mim, minhas carnes tremiam, meu cu piscava ele socando bem fundo gemendo eu parecia estar sonhando, até que ele amoleceu dentro de mim e saiu, ele olhou, viu meu cu vermelhão saindo porra com sangue, deu um tapa na minha bunda e disse que tinha tirado meu cabaço, riu e disse que isso era para mim aprender a não ficar bisbilhotando a vida dos outros, e que se eu não fizesse o que ele mandasse iria ver, e que era para mim ir no dia seguinte a tardinha na casa dele para poder conversar melhor sobre o que tinha acontecido, sai correndo com as calças na mão, cheguei no riacho lavei meu cu, que ardia muito vesti meu short e fui para casa, nessa noite tive até febre, meu cu latejava, ainda escorria porra do seu Chico, tive até que lavar meu short sem minha mãe ver, e no dia seguinte a tardinha fui ate a casa de seu Chico pois estava com medo dele falar algo para meus pais e para meus amigos, então quando cheguei seu Chico já me esperava, perguntei pelos meninos ele disse que eles foram na cidade fazer umas compras, ele me levou para dentro da casa, depois para o quarto e aiiiii fudeuuuuuuuuuu, depois conto o resto rssssssss

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario p.robert

p.robert Comentou em 10/03/2014

gostei tesao de conto

foto perfil usuario pmsafadu

pmsafadu Comentou em 21/11/2012

Cara gozei com sua história. Delíciiiiiiaaaaaa!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


22311 - O PORTEIRO - Categoria: Gays - Votos: 18
22349 - Quem manda ser curioso final - Categoria: Gays - Votos: 9
22351 - Apostando no videogame acabei dando - Categoria: Gays - Votos: 8
22357 - Primeiro a vingança depois o que ficou foi amizade - Categoria: Gays - Votos: 5
22391 - continuação de apostei no videogame acabei dando - Categoria: Gays - Votos: 8
22392 - Carlinha a safadinha - Categoria: Incesto - Votos: 4
22393 - bruninha e seu irmão - Categoria: Incesto - Votos: 3
22394 - Rodriguinho muito mimado - Categoria: Gays - Votos: 6
22395 - Fui tomar sorvete acabei chupando e dando - Categoria: Gays - Votos: 8
22399 - Sou uma cunhadinha safada - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
22404 - Minha primeira vez ja maduro em um gangbang part1 - Categoria: Gays - Votos: 6
22405 - Minha primeira vez ja maduro em um gangbang final - Categoria: Gays - Votos: 5
22535 - Martinha safadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
22599 - Me dei bem no carnaval - Categoria: Gays - Votos: 4
22606 - O dia que trai meu marido - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
22651 - Sou um cara de sorte - Categoria: Gays - Votos: 8
22655 - minha primeira transa foi com minha prima - Categoria: Lésbicas - Votos: 6
24860 - Meu melhor amigo meu amor - Categoria: Gays - Votos: 7
32185 - filho de técnico sofre - Categoria: Gays - Votos: 13
40793 - grupo de pagode - Categoria: Gays - Votos: 10
43994 - os meninos do reformatorio - Categoria: Gays - Votos: 39
44106 - Quando tudo começou primeira parte - Categoria: Gays - Votos: 4
44107 - Quando tudo começou segunda parte - Categoria: Gays - Votos: 4
44318 - continução dos meninos do reformatório - Categoria: Gays - Votos: 19

Ficha do conto

Foto Perfil allex3
123mudei

Nome do conto:
Quem manda ser curioso

Codigo do conto:
22346

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
18/11/2012

Quant.de Votos:
17

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


porno bebeu demas e foi estrupada com pepinoContodebucetacontos eroticos mostrei a buceta pro filhocontos porno: titioe eu gayContos eroticos com velhinhosfui trocar o gaz pra vizinha ela tava de saia sem calcinhacontos eroticos trasando a ninfeta da xana inchadavi minha irmazinha de caucinha nu rabo ve contos eroticoscontos eroticos gosto de dar pra estranhosamigo de infancia negro e roludo dominou a minha esposa novinha e a mim...virei chifrudo e viado contosputa caminhoneiroencoxada gostosas no metro sp conto eroticofotoamadora relato erotico de mulher 2017dei minha bucetona greluda pra meu sonbrinho novim contoseroticosputari de muito novimhas proibidasver a medica casada dando o cu pro pedreiro pauzudocanto eróticos eu quero fude com outro"comido pelo meu pai"contos sexo bizarro c pauzudofilhaputacontodei minha bucetona greluda pra meu sonbrinho novim contoseroticosconto erotico banheiroContogravidashistoria de adolecente qe gosta de ser encochada dentro do onibus por homem mais velhocontos eroticos papai é meu cafetaoporno beti toparoacontos eroticos de sogra carenteminha namorada troxe se amigo roluda para casa contoscontos eroticos de casais boqueteirosContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindo de brucotexto e fotos de historia de porno titiu meio safado e inocente e subrinha safadaconto erotico esposa pelada na frente da galeraerotico conto magrinha negracontoeroticotomandobanhoxxvideo mobile seios arrepiadotambaba+sexoultimos contos sado professora submissa 29seduzi meu sobrinho conto eroticofiquei excitado na consulta a dermatologistaConto erotico de evangélicaFUI CUMIDA NA RUA CONTOS IROCTICOScontos eroticos disse para nao te vires dentrosexo em quadrinhoscontos er¨®ticos incesto ensinei minha filha a ser cadelaChupo bucetinha da filinha confessoContos eróticodois dotados para.uma novinhasiririca para o filho contocontos eroticos porno cu da noia de ruaporno quadrinhosBanda Desenhada Pornosogra atisa o genro ate ele fuder elscontoeroticogrupalxvideo brexei se mastubeiconto comi minha esposa e um casal bixesualgravidas peladas e meladas de manteiga no cu e na busetaContos eroticos minha mulher traz porra para mimpai comendo.o cu rendondo do filho contos reroticosquadrinho porno em 3d sexo desenho super heroisfilhinha conto eróticoxxx animados contos encoxando rabos enormescontos eroticos casal bi enpaladoconto erotico virei uma linda mulherContos eroticos em desenhos lesbicos com chupadas,dp,dominaçao,com fotosconto erotico a bunduda do es critoriomoleque pelado gostosobuceta da minha tiacontos eroticos..transei com meu patraocontos eroticos de corno dividido no dias das mães 2017conto erotico gay traficante me comeumulher cavalgando no pau do homem se masturbando até gozar MárcioContoeroticoprofessoras putasContos com fotos de gozadas nas calcinhas das sograsabajun pornomeu mexicano chupou meus seiosContos e fotos de maes com a buceta gozadacontos eroticos shortinho com metade da bunda de forasó provocar amigo conto erótico cornoHq Ay papi porn picsmeu primo ver eu comendi a esposa deliconto erotico quadrinhos enteada safadaaconto erotico putaria com anacontos a punheteira da familiaco,m fotos conto erotico mae do meu melhor amigo do trabalho trai o pai dele comigo. ele descobriu ai nos saimos na torrada na casa dela qfuta gets fucked hentai gifsconto erotico primeira gozadagrossopeneswww conto erotico gay de vizinho e vizinho com brirmã rabuda ameasa irmão pra fude ela a forda