MINHA NOIVINHA ll


Click to Download this video!


Ola pessoal, saímos de ferias e está sendo fantástico, nunca vi minha noivinha tão testuda e com tanto fogo como nessas ferias, ela já traçou três picas diferentes em locais diferentes, mas só vou relatar a ultima, pois foi a que marcou mais! Muito mais....
Estávamos em uma praia muito linda em ubatuba, litoral de SP, onde só se chega de barco, como não temos lancha aqui pedimos carona em uma de uns rapazes (para ser exato eram 3 rapazes do interior), lógico que a idéia partiu dela, já mau intencionada, ou melhor muito mau intencionada, pois ela usava um mini biquíni branco e um chotinho transparente, com aquela pele morena o contraste era de matar.
Já no caminho as brincadeiras foram se tornando mais picantes, mas os rapazes não imaginavam que eu estava gostando por isso só davam indiretas e tentavam manter o respeito. Tinha um que mau conseguia disfarçar seu tesão por ela, ficava o tempo todo sentado para não percebermos que estava de pau duro e ela muito safada ainda pede para que ele passasse protetor solar nela, nessa hora o rapaz me olhou como pedindo permissão e eu já imaginando a tática dela disse para ele que eu odiava ficar com a mão oleosa, o rapaz começou a passar o protetor e os outros dois babando, ela então tirou o chortinho e pediu para o outro que não estava pilotando a lancha para ajudar, os rapazes ficaram doidos, mas ao mesmo tempo com muito medo de avançar o sinal, e a brincadeira acabar, um misto de tesão e pudor isso deixava a gente com muito tesão, percebia que ela delirava a cada passada de mão dos rapazes, em sua calcinha já dava para notar o quanto estava molhadinha sua bucinha. Ao chegarmos na praia o rapaz que veio o tempo todo sentado levantou e logo caiu na água para não percebermos sua ereção, que por sinal segundo ela era ENORME o volume na sunga, que a deixou muito mais curiosa e tesuda, fomos para a praia onde tinha um pescador negro, que logo nos ofereceu um peixe frito e água de coco, os rapazes estavam com uma turminha, mas percebi que dois deles, os que passaram protetor nela conversavam sobre nos, o dia foi passando e quando só tínhamos nós o pescador e os rapazes na praia ela resolveu provocar novamente, tirou a parte de cima do biquíni e pediu ao negrão uma caipirinha, ele a serviu e ao passar por mim comentou, sua mulher é muito assanhada num é moço, respondi que ela tinha um fogo incontrolavel, ele voltou e me disse moço eu to a mais de 20 mês sem pega uma mulé tô só na punheta se o senho quisé eu posso apaga o fogo dela? Eu falei para ele que ia conversar com ela e se ela topasse a gente passava a noite lá com ele, os olhos do negrão brilharão.
Deitei ao lado dela e falei do negrão, ela me falou que queria mesmo era os rapazes, pois estava mesmo a fim de uma suruba, pois nunca fizemos, fiquei com tesão e topei, mas teríamos de dar uma desculpa para o negrão, então ela deu a idéia de combinarmos um outro dia para virmos a praia para dormir, assim enquanto os rapazes foram dar uma caminhada até o fim da praia fomos explicar para o negrão nossa intenção de adiar a foda com ele, mas ao chegarmos ao lado da sua barraca o negrão já agarrou ela e me disse que se gritássemos para os rapazes ele acabava com a gente, eu fiquei apavorado e ela também mas concordamos para não piorar a situação, nisso o negrão me amarrou as mãos a um tronco e falou para ela, agoura moça cê vai vê o que é pica pra apaga esse teu fogo, quando o negrão baixo a bermuda, parecia mais um JÉGUE alem de grosso era comprido, percebi que o olhar dela passou de pânico para tesão e ao mesmo tempo de medo, eu fiquei boquiaberto com o tamanho daquela pica, ele tinha mais ou menos 1,75 de altura e era bem forte, pegou ela como se fosse uma boneca de pano, coloco-a deitada em uma mesa de tábua na minha frente, tirou sua calcinha bem de vagarinho, eu olhava para ver se os rapazes não vinham e ao mesmo tempo via o negrão chupando a bucinha dela, a língua dele era do tamanho de um pinto normal, quando ele passava a língua desde o cuzinho até o clitóris dela, ela se esvaia em gozo, tremia todinha como se estivesse com muito frio, eu com as mãos amarradas não me aguentava mais meu pau já doía dentro da sunga, quando ele virou para mim e disse agoura v/c vai ver uma pica de verdade entra na tua muié, foi quando eu lhe implorei que me soltasse para que eu pudesse pelomenus bater uma punheta, mas ele nem ligou, abriu as perninhas dela e encostou aquela JEBONA na entrada da sua bucetinha, ela se segurou na mesa e pediu para ele colocar uma camisinha e entrar de vagar que ela ia colaborar, ele respondeu ! Camisinha?? Tá achando que so home de chupa bala com paper, ela tentou argumentar !!! Se v/c não me machucar e usar a camisinha eu vou te recompensar a noite toda. O negrão afastou um pouquinho olho pra mim e disse, machuca eu não vou te machuca, v/c vai senti centímetro por centímetro da minha pica entrando nocê, mas plástico na pica eu não ponho, nisso eu consegui afrouxar a corda e soltar minha pica que estava presa na sunga e comecei a bater uma punheta, ela viu que eu estava com tesão nisso o negrão apontou novamente para sua bucetinha, vi ela fechar os olhos e apertar os lábios, a posição que ele a pôs me dava total visão, via ele entrando bem de vagar na bucinha dela e ela se contorcendo de tesão, quando ele já estava com metade da pica dentro dela, ela deu um grito abafado pedindo para ele parar e começou a tremer novamente, dava para ver os espasmos dos músculos da barriga e de sua vagina de tão forte seu orgasmo, o negrão não agüentou e começou a urrar e empurrou tudo pra dentro de uma vez só, ela desfaleceu mas continuaram os espasmos por mais alguns segundos, quando o negrão sacou fora a jeba escorreu sua porra de dentro dela e sua bucinha ainda tinha pequenos espasmos, eu não agüentei e gozei também, ela foi recobrando a consciência e teve um ataque de choro, fiquei preocupado pensando que ele tinha machucado ela mas logo ela me tranqüilizou dizendo que estava chorando de prazer, pois o gozo foi tão intenso que quando ele tirou aquela jeba de dentro dela, a sensação de vazio lhe deu um novo orgasmo, nisso o negrão a pegou novamente e colocou-a de bruço na mesa, ela estava tão mole que nem falou nada, socou novamente a pica nela, parecia que isso ligou ela na tomada seus olhos se arregalaram e começou a gozar de novo, eu vi os rapazes voltando e avisei o negrão, que em seguida tirou a pica de sua buça e enfiou na boca enchendo-a de porra, muita, mas muita porra mesmo. Em seguida ele entrou em sua casa e voltou com uma faca enorme em minha direção, pensei que ia me matar mas era para cortar a corda, me agradeceu pela muié e voltou para sua casa, peguei-a ainda mole quase desfalecida de tanto gozar e a levei para um banho de mar, com a água gelada ela foi recuperando as forças e vestindo o biquíni, me abraçava e beijava como se quisesse me engolir, disse que ainda estava com muito tesão pois para se sentir completa precisava sentir a minha pica, afastei sua calcinha e meti, não precisou mais que duas estocadas para enche-la de porra dentro do mar. Saímos da água e deitamos para descansar, os rapazes que já estavam vindo resolveram parar para conversar e demoraram a chegar, o que nos deu um tempinho para descansarmos . Ao chegarem nos chamaram para irmos, na lancha um deles começou a brincar com ela, mas como já estávamos mais que satisfeitos ela conduziu tudo para que eles ficassem com a sensação de que em uma próxima carona poderia rolar algo, isso com certeza deixou eles muito hesitados . Ao chegarmos no hotel fomos direto tomar um banho e a um medico pois depois de tudo isso ficamos com medo, afinal nunca fizemos sexo com outra pessoa sem preservativos, mas está tudo muito bem, mesmo porque o negrão vive a mais de 15 anos lá e pelo tanto de porra que ele jorrou nela, 20 meses sem mulher é pouco. Mas confessamos que essa nós não esperávamos e apartir de hoje vamos tomar mais cuidado, pois dessa vez acabou tudo bem, mas poderia Ter sido trágico, mas que essa aventura foi muito boa foi. Quanto aos rapazes!!!! Essa fica para a próxima e é ela quem quer contar.
Escrevam comentando este relato e se tiverem de vc’s mandem para nós.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


3996 - NOIVINHA II - Categoria: Interrraciais - Votos: 2
4350 - Dei a bucinha dela de presente de natal - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 1
4351 - Quase morremos de tanto gozar nessas ferias - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico flaflu

Nome do conto:
MINHA NOIVINHA ll

Codigo do conto:
2863

Categoria:
Interrraciais

Data da Publicação:
19/08/2004

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto erotico cheio de tesaocontos de encoxada com dedadasConto gay novinho provocando o pastor da igrejabi sexual fazendo o trenzinho por cimá pornoContos esposa safadacontos de eroticos mamae e filhinhoConto erotico novinha grita na pica do cavalocontos eroticos incesto maravilhosocontos eroticos puta fode e fala no telefonecontos eróticos travesti pés creme de leiteimagnes de sacanages de.sexoconto erotico teen gay iniciaçãoquadrinhos eroticos aventura no aviaocontos eroticos com o amigo do meu filho 2017delicia da roça quadrinho eroticoConto erotico minhas irmas llllconto virgem piscina termaisContos eroticos de vestido sem calcinhaconto erotico esposa safadaConhado nao e parente quadrinhos eroticogrupal contobundinha gostosa bucetinha pequena peitinho bunitinho contos eroticospai comendo o cu do filhobundudo virgemcontos eroticos gays com papais roludoscontos do vaqueiro esposa e angelica safadacontos eroticos dando gostoso meu cuVendi meu cabaço mas fui arrombada contoscontos erotico eu e minha filha fudida por um menino roludohistorias eroticas de tritãoContos eroticos com gays e travestis negros dotadosContos reais de sexo homens rusticoconto erotico estuprando a amante da mulher violenciaGugamrapcontos minha mãe foi para o pagode acabou dando para o negão dentro do banheirocontos eroticos quadrinhos Drica seduziu o tiohentai porno incesto eu minha mae e minha irmaxvidio mais encanador normalconto erotico gay espiando banheirominha mae e ninha tia contodois pião fudendo na obraencoxada na esposa do cara contoscontos eroticos toda puta tem que da o cu na marra sua cadelafudi meu amigo no exercitoquadrinhos porno gaycontos enganei e xupei minha netinhaconto acordei com meu filho chupando minha bucetaContos eroticos titias caindo na rola grossa do sobrinhoConto erotico primacontos eróticos priminhoporno conto mamae senhora putapornocontoincestoMamae q surpresa me dwu o cuwww.contos+filho+pega+mãe+calvacando+na+rola+pai.com.brconto erotico mulhe casada gosta de pau de25cmMinha primeira traição conto eroticocontos eroticos de casal sendo forcado mulher virar puta e homem viado em festas sadomazoquismoconto primera vez submisso do negaoo cu da minha esposa e meu contoContos eróticos gay incesto a trêscontos_gozei na hora que papai meteu sua pica grossaconto tirei o cabaço da tia solteironabaixar cenas porno da novela dois irmanscontos eroticos de mozamiga quebrando o galho pro amigo faz um boquete gostoso pra ele negaomulher bebadas senos estrupadaspor colegascontos eróticos virei corno tentei impedireu com 18 anos de idade eu era virgem da minha buceta e virgem do meu cu meu irmão lindo ele tem 22 anos de idade eu sempre eu brechava meu irmão ele fundendo suas namoradas no seu quarto no final de semana meus pais eles viajaram eu fiquei sozinha em casa com meu irmão eu raspei minha buceta virgem a noite eu so de babydool eu entrei no quarto dele eu deitei na sua cama do seu lado eu disse pra ele eu quero perder minha virgindade da minha buceta com você ele me deu um beijo na minha boca eu tirei meu babydool ele chupou meu peito ele disse pra mim sua buceta virgem raspadinha e linda ele começou a chupar minha buceta virgem eu gozei na boca dele ele disse pra mim pra eu chupar seu pau eu comecei a chupar seu pau ele foi metendo seu pau na minha buceta virgem ele começou a fuder minha buceta eu gozei eu disse pra ele eu quero dar meu cu virgem pra você conto eróticoconto de corno amigo fudeu minha esposaeu arreganhei minha bucetaMeu patrao dono da empresa que eu trabalho ele me convidou eu pra eu ir passear na sua lancha conto eroticoconto erotico bi masculinoA irmãzinha de calcinha branca porno em quadrinhos hentai xxxincesto