Fodi gostoso a minha cunhada


Click to Download this video!


Fodi gostoso a minha cunhada!

Sou casado, pai de 3 filhos adolescentes, corpo atlético e guloso até demais em respeito a sexo. Quando me casei, eu tinha uma certa tara pela minha cunhada (ela é linda e tem um corpo divino, apesar dos seus 40 anos) um pouco mais velha que a minha mulher. Vivia imaginando um dia poder comê-la, ai como eu gostaria! Más ficava só na imaginação, pois ela é muito conservadora e eu não me atrevia a chegar aos finalmentes. Sempre que eu achava oportunidade, a abraçava, fazia alguns tipos de carícias nela, mas nada além disso.
Depois que ela se casou, eu imaginei que nunca mais eu pudesse realizar o meu sonho. Porém, num belo dia eu cheguei em casa e a encontrei conversando com a minha mulher e outra amiga a respeito de sexo e a minha mulher estava fazendo os mais belos elogios a meu respeito, dizendo pra elas o quanto eu era gostoso na cama e quanto eu sabia usar o meu pau com 23 cm e grosso... Como elas não perceberam que eu havia chegado, fiquei escutando e percebi a reação positiva da minha cunhada pelas perguntas curiosas que ela fazia, chegando a segredar para elas que o seu marido era meio mole no sexo, só gostava de fazer o tradicional papai-mamãe e que ela tinha a maior curiosidade e vontade de ser possuida de uma forma mais "picante".
A partir desse dia, pude perceber que ela começou a me olhar e fazer alguns tipos de insinuações comigo bem diferente das nossas brincadeiras habituais, começou a me beijar com cumprimentos bem perto da minha boca e eu comecei a entender o recadinho dela. Um belo dia, quando eu cheguei em sua casa ela estava sozinha, pois seu marido havia saido pra viajar (ele é técnico de futebol profissional) e era folga da sua empregada. Entrei e ela me perguntou pela sua irmã e eu disse que ela não tinha conseguido folga no trabalho. Sentei, e como era quase meio dia, ela me convidou pra ficar para o almoço. Aceitei na hora. Ela abriu um vinho e começamos a beber. Conversamos sobre muitas coisas, ela trajava apenas um robe que eu poderia ver a sua calcinha minúscula e estava sem sutiã, deixando aparecer os biquinhos duros dos seus seios, uma maravilha!.
Comecei a me entusiasmar com o momento, de repente ela começou a reclamar do seu marido que não estava mais fazendo sexo com uma frequência boa e deixou escapar que feliz era a sua irmã que tinha todos os dias e de formas variadas. Era só o que eu queria ouvir, disse a ela que se ela quisesse ela também poderia ter tudo o que a irmã tinha, pois há muito tempo eu vivia pensando nela. Ela me olhou de uma forma espantada e me perguntou se eu estava ficando maluco, pois eramos cunhados e não poderiamos fazer isso. Eu disse pra ela que a sua irmã não precisava saber de nada e que eu tinha certeza que a mesma ficaria feliz em saber que a sua irmã pode provar de tudo que ela tem. No primeiro momento, houve um silêncio entre nós e fiquei com receio que ela pudesse ficar magoada com a minha proposta. Ela saiu da sala por um instante e assim que voltou veio em minha direção e me abraçou, disse em palavras que quase não dava para entender que a irmã dela a perdoasse, mas que ela não iria perder esta oportunidade. A essa altura, o meu cacete já estava latejante, a abracei forte contra o meu peito e senti os seus seios tocando o meu corpo, beijamos muito gostoso e ali permanecemos colados por alguns instantes. Ela começou a me despir parecendo que estava morrendo de fome sexual, tirei o seu robe e pude contemplar aquele corpo maravilhoso, ela sorriu maliciosamente pra mim e nos beijamos de novo, agora ela estava apenas de calcinha e eu já totalmente nú. Ela segurou no meu cacete como se nunca houvesse visto um, ajoelhou-se e foi colocando aquela boca linda e quente no meu caralho, fazendo um movimento frenético e lambendo a cabeça, como uma criança quando toma um sorvete. Deitamos no tapete e iniciamos um delicioso 69, pude ouvir o gemido dela quando eu toquei a língua na sua xaninha, que a essa altura estava totalmente inundada. Ah que xana maravilhosa, toda depiladinha e com um cheiro que jamais vou me esquecer. Nos chupamos por longos momentos até que ela já não se aguentava mais e me pediu pra que eu a comesse. Coloquei-me sentado e ela veio por cima cavalgar. Começou se sentando e foi escorregando até o encostar em minhas virilhas, foi alucinante vê-la gemendo prá aguentar o meu cacete todo dentro dela, a sua xaninha era super apertadinha, mas como ela estava controlando, foi rebolando devagar até entrar tudo. Ela começou com uns movimentos alucinantes e pude perceber seguidos orgasmos dela. Sugeri que mudassemos de posição e a coloquei de quatro no sofá. Meti muito gostoso e devagar por trás, ela urrava de prazer, me pedia pra que eu a fudesse toda e eu a chamava de minha putinha, de minha cunhada gostosa e ela ia ao delírio, ficamos com essa sacanagem por um longo tempo, até que explodimos num gozo alucinante. Tomamos um banho juntos, nos beijamos outras vezes e logo já estavamos recompostos para mais momentos de prazer. Ela sussurou no meu ouvido que gostaria que eu comesse o seu cuzinho, igual eu fazia com a sua irmã, pois ela morria de vontade e o seu marido nunca quis comer. Pedi pra ela pegar um pouco de óleo jonhson, e quando ela chegou com o óleo, dei uma lubrificadazinha com a minha língua e logo após, passei o óleo no seu cuzinho e na cabeça do meu pau. Ela ficou de quatro e comecei a forçar o meu pau no cuzinho dela, senti um pouco de resistência devido a grossura do meu pau más com jeitinho e carinho foi entrando aos poucos e de repente estava todo dentro daquele cuzinho virgem e maravilhoso. Ela adorou, virou-se pra trás e pude perceber no seu rosto a felicidade que ela estava sentindo naquele momento. Gozei e inundei o seu cuzinho de esperma quente. Tomamos banho novamente e fomos almoçar. Despedi-me dela com outros beijos e ouvi a promessa de nunca mais deixarmos de nos encontrar. Continuamos até hoje a nos encontrar (sem complexo de culpa)e só nós dois sabemos disso. Todas as vezes que o seu marido viaja, ela me liga e nos encontramos. Posso dizer que amo essas duas irmãs.
Escrevam o que acharam da minha experiencia.
Até a proxima.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico juracy

Nome do conto:
Fodi gostoso a minha cunhada

Codigo do conto:
3057

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
27/09/2004

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto porno papai e eu imitando fie pornppica curvada para o baixo peladocontos eróticos a professora submissa capítulo 42comeu a tia bebada xgcheirei a tanguinha usada da minha,tia safada contosContos eróticos de gai com dotados negãofilha mostra a buceta pro pai conto ilustradoMinha amiga fernanda ela comigo na casa de praia conto eroticoConto erotico de bucetinha apertadacontos eroticos sogras que dão suas busetas pro genrrosConto gay dando pro usuariomeupornohentai.comrevistas em qadrinho de mae dando a buceta pro filhoquero ve comto erotico de homem que chupa abucetinha da bebe virgem nabanheranegros magros cinquentoes fudendo outrocontos eroticos gay amor surgiu de forma inocente entiadacontoeroticoconto erotico de incesto com enteada,e fotovídeo de pornô de Recife mulher boa para o Pouso da metendo putãoprovoquei papai porn conto eroticoContoeroticobacanaltravestis muito dotadoscontos com fotoscfm casadasquadradinho errotico com negão com pau gigantecontos cuzinho cunhado em mogi das cruzesporno quadrinhos putaconto erotico revelar que e dominadoramendigo gay pornoquadradinho exotico fodendo a cona da filha incestoCumplices de um resgate Cumpli conto erótico esposa corno femdom conto eroticoquadrinho erotico fodida aforca e apanhandocontos eroticos a primeira vez com ginecologista lesbicaContos eroticos com fotos de podolatria chupando pes de primas novinhas e acordadasconto erotico_fui comida na aposta do meu maridocontos mãe bêbadahistoria erotica em quadrinhoSobrinha pagando no pau do tio. Taradinhacontos eróticos de mãe fazendo sexo com filhoaproveitando cunhado bebado porno geycontou.erotico.com.conhada.cogra.foto.sexoconto travesti estupra mulherconto gay encesto mulherzinhacontos d corno bideixei meu cunhado gozar na minha bucetarabao dona solange contos ilustrados pornocontos eroticos de vovo fodendo a força neto gay com fotospornocontoincestocont erot fui da banho no neguinhocontoeroticonovosexo gayCamila minha enteada e******** ainda tireiContos eroticos guentei.caladocontos eroticos juvenisContos eroticos o pau foi bem no fundo do meu rabao gordo, uuii deliciaMae da banho no filho pequeno conto com fotoconto erotico mao inteirabucetas do brasilcontos eroticos gay 2017 primo com primoeu levei minha filha pro motel pra eu fuder o cu virgem da minha filha conto eroticoadoro o leite deles conto eroticotransando com o chacareiro conto heroticoconto erotico gay pai também não resistiu ao filho safadinhocarroceiro maludocontos bucetinha pauzaocomi minha irma porque me atisou pornoolinda contos gaynovos video de esposas traindo em acailandia maranhaopornoxvideos marido nao quis deu pro irmao deleContos animados papai tio e padrinho me foderam muito quando novinhacontomorenaboaconto erotico de idosas em recifecontos eróticos cheirando a calcinha da minha irmãConto erotico motorista de caminhao na estrada fudemdo com mulheres e homenscontos eróticoscomo me vinguei da minha mulher e deleconto erotico biconto traiçao da esposa intima no presidioconto erotico a hermafrodita cheirando calcinharu.confesso vi.homem.mijando.na ruaconto erotico , virei cadelinha da espanhaConto Gay o machão pegador de gatinhas que virou pegador de paucontos gaycomi o crentinho gaycontos eroticos dei o meu cu para meu filhocontos eroticos garoto cornocontos eroticos anãoabusada e humilhada parte 2arrombada contocontos eroticos esposa ensiminada pelo comedorhq de sexo entre familiaputa vadia chupa pau ppr buracoscontos eroticos com july fotos