minha esposa com o lauro e eu com sua sobrinha 8


Click to Download this video!


dai pessoal continuando o ultimo conto, depois que ela me disse aquilo sai passei o dia fora resolvendo pendências que tinham ficado do dia anterior e cheguei em casa já muito tarde tomei meu banho e fui dormi com ela que já estava apagada nem viu eu chegar acordei e ela já não estava do meu lado me levantei e desci as escada e já ouvi a voz da minha sogra a dona Julia com um vestidinho soltinho estava linda logo as duas saíram para os fundo e eu fui na cozinha tomei um café e me lavei e fui la nos fundos a Nádia quando me viu deu um sorriso e veio me beijar e a Julia me cumprimentou com três beijinhos e me deu dois potinhos de remédio e me disse toma este de manha e de noite e este só a noite dai perguntei oque é isto em Julia? são medicamentos que atores pornôs usam para aumentar o tamanho do pênis ele dilata as veias e os músculos esponjosos do pênis fazendo ele alongar e ficar mais grosso e te garanto funciona já comprovei com o pai da Nádia pois ele tomou por 6 nesses e o pau dele aumento em 5cm o comprimento e quase 2 na grossura toma e você vai se surpreender com o resultado final mas claro ajuda se tiver uma bombinha peniana estas de sexy shopping, eu pensei e porque não né e já tomei um de cada na hora. dai a Nádia amor vamos fazer um churrasco para nos daqui a pouco o seu Lauro chega. eu peguei e fui no mercado comprei carne e salsichão e carvão e cerveja e voltei estava terminando de descarrega quando ele me chamou no portão fui e abri ele veio me comprimento e dai eu falei seu Lauro posso falar com o senhor um pouco antes de entrarmos em? claro André fala velho oque foi? seguinte gostaria de saber qual seu sentimento pela Nádia o senhor se apaixonou por ela ou e só sexo? não André fique tranquilo é só sexo eu só fui apaixonado pela minha falecida esposa a qual eu matei junto com meus dois filho! dai eu perguntei como assim seu Lauro não o entendi como o senhor os matou? foi em um acidente de carro eu fui o culpado estava viajando a noite e dormi na direção do carro e bati de frente no guardrei da rodovia e capotei o carro que ainda bateu em uma arvore e se partiu ao meio fique 3 nesses no hospital e quando sai não tinha mais nada a vida avia perdido a grassa para mim me culpo todos os dias por estar vivo seu André mas é a vida nem tudo e só alegria né. mas que o cuidou depois disto seu Lauro o meu irmão me cuidou aquele que estava aqui comigo estes dias comendo a Nádia enquanto você filmava ele é meu irmão tem 46 anos é casado com uma mulher de 40 anos linda loira também e tem duas filhas uma de 22 e outra de 24 anos ambas tem cabelos castanhos claros as duas trabalham e estudam eu estou morando em um quartinho nos fundos da casa dele só tem uma cama e um guarda roupa e uma tv de 14 polegadas estou me recuperando ainda fiquei com a perna com defeito no joelho perdi parte dos movimentos dela mais consigo dobrar ela e tudo só não corro mais e nem jogo bola e caminho mancando mas o resto é tranquilo a mãe da Nádia me arrumou um emprego em um dos postos do seu marido e agora já estou bem melhor de vida ate comprei uma geladeira e um fogão para mim estou me reerguendo aos poucos seu André e suas sobrinhas se dão bem com o senhor seu Lauro? olha meu adoro elas a mais velha na época tinha 19 anos e cuidou de mim direto no hospital e depois aqui no quartinho as vezes ate me dava banho ela foi muito querida comigo, ela lé via pelado com este pauzão ai armado e oque ela falava seu Lauro só por curiosidade hehehehe e sorri e ele também, no primeiro dia ela ficou muito assustada com o tamanho dele ate comentou comigo como uma mulher aguentava tudo aquilo na buceta que o do namoradinho dela não dava nem a metade do meu dai eu ate falei a querida, mas ele é novo ainda vai ficar maior com certeza viu e aquela conversa foi me deixando de pau duro também né, seu André imagina só eu a 5 nesses sem sexo sedo que antes eu e minha esposa transavamos todos os dias ate duas vezes por dia se deixasse nos finais de semana ela me olhou e disse nossa como ele ta duro tio e eu me segurando na parede falei minha queria você já chupa o seu namorado? ela meio envergonhada disse sim tio chupei sim! e você teria coragem de me chupar se eu pedisse para você é que eu estou muito tesudo preciso dar uma gosada se não vou ficar louco, ela me olhou e disse ta tio,eu chupo sim, mas que isto não saia daqui ta e foi e me deu uma deliciosa chupada meio sem jeito, mas foi gostosa ela lambia a base e a cabeça do pau e masturbava o resto e apertava e esfregava a mão nas minhas bolas eu dei um banho de porra na cara dela que ficou toda meladinha ate nos cabelos ela engoliu um pouco e disse que era muito gostosa o gostinho da minha porra e foi na porta e espiou e tirou a roupa e tomou banho comigo peladinha aquele corpinho eu fiquei doido de novo e fiquei esfregando o pau no meio das pernas dela ate que gosei e senti a bucinha dela molha todo o meu pauzão ela ficava na pontinha dos pés, pois é mais baixa que eu aquilo se repetiu por umas duas semanas ate que meu irmão nos pegou no flagra e me mandou embora dai fui para as ruas ate a sua esposa me fazer aquele convite aquele dia para pegar umas roupas velhas suas e aqui estamos já fiz as passes com o meu irmão sua esposa foi a nossa juíza de paz e agora estamos nos dando muito bem voltei a morar lá no quartinho e já comi minha sobrinha que me chupava e o meu irmão sabe e não deu bola pois ela me confidenciou que já deu para ele também em um motel da cidade e adorou praticar um incesto com o pai e ate largou do namorado que continuava com o pau pequeno. bom depois disto tudo entramos e a festinha deles começou foi uma loucura eu assando a carne e ouvindo os gemidos das duas com ele no quarto teve uma hora que a Julia desceu dai perguntei por eles e ela disse que estavam no quarto trepando que ela estava cansada que iria dar para ele de tarde só ele e ela e veio e se sentou e ficou ali trovando comigo de tudo o papo estava ótimo mas a carne estava pronta dai fui chamar os dois e quando chego lá no quarto vejo ela de quatro na beira da cama e ele dele ferro nela ela me olha e sorrindo diz amor temos plateia olha lá eu olho de canto na sacada e vejo o rapaz da casa de frente olhando eles pela janela de pau na Mao se masturbando quando o negão tira o pau ela se ajoelha e ele goza tudo na cara dela que ainda fica o chupando e engole tudinho e sai rebolando pro banheiro e ele vai atrás dela eu desço logo os dois aparecem dai eu comento do rapaz e xingo a Nádia e a Julia me apoia que ela errou nisto expondo a família deste jeito que estava errado ela se desculpa dai o seu Lauro me diz o André vou ajeitar a minha sobrinha para ti tu topa comer ela em quanto eu e o mano comemos mãe e filha em eu claro que topo se não topa elas vão dar igual para vocês então pelo menos que eu tenha algum lucro nisto né e demos risada todos na mesa. e mais um final de semana se foi deu um mês já eu tomando o remédio direto e dele bombinha nos intervalos e não é que o remédio funciona mesmo gente de 19 cm eu já estava com 22 e meio e quase 9 de grossura antes tinha 7 e meio só já estava me achando muito pauzudo mas segundo a minha sogra ainda iria ficar maior e um pouco mais grosso bah em 1 mês e 3 semanas já tinha tudo isto aumentado estava ótimo e neste final de semana o sogro foi viajar e a esposa do irmão do seu Lauro estava de serviço no hospital e sua outra filha estava com o namorado na praia era 10:00 horas quando eles chegaram não poço deixar de disser que ela era linda 1.60 de altura algo em torno dos 50kg seios fartos bunda empinada e coxas grossas e um rostinho lindo e cabelos ate o meio das costas uma gatinha . o seu Lauro veio e nos apresentou a minha sogra ela já conhecia e quando chegou em mim o Lauro falou meu nome para ela e disse o dela!!! Tália ou pode chamar ela de Tatá pois é seu apelido bem feita as apresentações ficamos por ali trovando e logo o irmão do seu Lauro o Paulo sumiu e a Nádia também dei um tempo e subi e já ouvi os gemidos da Nádia no quarto e quando voltei na piscina o Lauro já estava se pegando com a Julia nos amassos eu olhai para Tália e falei quer sair daqui pois vejo que você não esta confortável né ela me olhou e disse quero vamos aonde vem comigo garanto que você vai adorar sabe andar de moto ela disse sim fui na garagem peguei minha cbr 600f preta e fui dar uma volta com ela almoçamos fora e voltamos já era quase 16:00 horas eles estavam todos nos quartos trepando dai eu falei para ela quer tomar banho de piscina comigo ou prefere ir embora eu poço levar você dai ela sorrindo disse vamos para piscina e melhor ela foi no banheiro e colocou o biquíni que avia trazido e estava linda ate tirei foto olhem no final e ficamos por ali mesmo na água. dai ela me perguntou porque eu aceitava os chifres que a Nádia me colocava se eu era um cara bonito e educado e muito legal!! dai eu agradeci os elogios e disse simples sou apaixonado por ela não me vejo sem minha loirinha do meu lado e ela também me ama e muito dai ela veio e me deu um beijo de língua delicioso e tirou minha bermuda e o seu biquíni e me pegou com as pernas pela cintura e foi conduzindo meu pau para sua bucinha e foi o engolindo por inteiro e começou a cavalgar no meu colo dentro da piscina logo saímos e fomos para a sala e lá sim o bicho pegou a comi bem gostoso do jeito que eu queria nossa e ela fodia muito bem a danada era todo de bom mesmo logo que terminamos e fomos para o banheiro começamos a ouvir as portas dos quartos se abrindo e eles saindo depois que decesemos já estavam todos na cozinha comendo algo ficaram nos olhando e o seu Lauro perguntou e ai Tatá aprovou o André? e ela sorrindo aprovei e provei e adorei tio tudo de bom ele vou querer repetir com certeza viu e sorrindo a Nádia que eu vi ficou com ciúmes na hora mas depois desencanou de boa e todos foram embora e nos fomos dormir pois a semana seria puxada para mim já a Nádia não tem nada para fazer mesmo dai nem conta né hehehehe um abraço e depois conto outra dela que só apronta fui!!!
Foto 1 do Conto erotico: minha esposa com o lauro e eu com sua sobrinha 8

Foto 2 do Conto erotico: minha esposa com o lauro e eu com sua sobrinha 8

Foto 3 do Conto erotico: minha esposa com o lauro e eu com sua sobrinha 8

Foto 4 do Conto erotico: minha esposa com o lauro e eu com sua sobrinha 8


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


36846 - minha namorada mi traiu com o pedreiro pauzudo 1 ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 19
36849 - minha namorada mi traiu com o pedreiro pauzudo 2 ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
36867 - minha namorada mi traiu com o pedreiro pauzudo 3 ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 19
37197 - minha namorada mi traiu com o pedreiro pauzudo 4 ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
37544 - minha namorada me trai com negros pauzudos 5!!!! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
37808 - minha namorada me traiu com um mendigo pauzudo 6 ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
37943 - minha namorada me traiu com um mendigo pauzudo 7 ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
40755 - minha esposa gosando gostoso no pauzão do moreno!! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 20

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico andre78

Nome do conto:
minha esposa com o lauro e eu com sua sobrinha 8

Codigo do conto:
37992

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
07/11/2013

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
4


Online porn video at mobile phone


fui estuprado por um pedreiro pirocudo gaysagitarianagostosa34Contos erotico corintiano enteado como empregadacachorro tira a bluza da mulhercontodecuzaoviado gay travesti cartoon desenho quadrinhoOrgias com os moleques contos eroticoscontos eroticos come meu filhoSou magrinha e gosto de rolas enormes contos eróticostravesti novinho ituanochantagiei minha irmã parte 2contos com cinco ano dei bucetaconto erotico cunhado maconheiro gaycontos eroticos minha mulher doente comi minha sogra na areaimajem de negona com calsa justa no bosetameninos gay trabsamdoliga dá justiça pornôfilmes de sexo rapas fode lucasContos erotico com fotos menagecontos eroticos sissy negaoconto erotico o triste fim de jessicaemcochada notrem contosrelatos de fragantes com novinhas fazendo sexoconto erotico minha amante cinquentonaminha ideia deu certo minha mulher me fez corno.com.contocontos de primos com maevideo porno de mae tentando acarmar o filho taradoconto erotico busão dogcontos eroticos dominacaoMania de ficar pelada ta brincado com meu paiconto erotico dormindotomando linguadinhaVer contos eroticos de homeem casado descabaçando novinhacomi um transcontos minha mulher mim traiu na lua de meu eu vi ela nao sabconto cunhada sheila adora dar a bunda quando marido sai para trabalharcontos erótico comendo a japonecinha de onze anosg magazine matheus mazzafera fotosconto erotico incesto straponConto erotico gay: estuprei meu enteadocontos de zoofilia transei com varios 4 caesconto erotico de irma e irmao transando escondido do maridowww conto erotico gay de irmao com irmao com brerotico meus filhos me comeramSou uma senhora e meu cu vive cheio de porra,conto eróticoO rolodo alagou meu cuzinho xnxxcheirei o pe do maloqueiro gaypiriguetesexopornomichele safada traindo o troxaconto erotico minha amante cinquentonaconto erotico com fotos/ rabo da maeboys pauzudos fudendo com agresividadesincesto mae e filho fodem pela primeira vez contosContos eróticos coroa casada adora novinhosTio indo no parquinho com as sobrinhas curiosas contos eroticospai pegou a filha Barbuda transando e meteu a rola nela tambémmarido ofereçe esposa pra dois africanos dotados contos eroticoscontos eroticos de noiva traindohoje eu dor pro papai pornô capixabaminha vizinha veio a miha csa so de beibidol comtodporno braziliam fedom pai ensina filho a trocar punhetacasada trai marido com empregado negro roludo quadrinhosas gosadasmas q sai pora na cara da putaaquele pezão na minha cara contos eroticosmamando no padrinho contos gayFotos mulher manda marido chama dotado pra fuder contos eroticocontos eroticos mariano baccardisabor de incesto, contocontoprofesorasentando com força na rola contosconto erotico gay o travesti favelado rasgou meu cu de madrugadacontos erotico maê fingindo que esta dormindocontopequeno tio agarrou os peito damoca e mamouconti erotico a massagista enfiou o dedo no meu cu e chupacomtos eroticos fui rouba e fudi a dona da casanao resisti o carinhos e os ecantos do meu filho pornoultimos contos sadocontos eroticos peituda da escolacont erot mandei pode minha filhaadestrando a cadela pornocontos eroticos primeira transa sadomasoquista quando meu dono me deixou presaconto erótico corno descobri