minha tia


Click to Download this video!


boas so paulo e tenho 36 anos e um conto rial . eu fui criado com meus avos maternos e meu tio desde os meus 3 meses . eles me davao banho me faziao tudo eu era muito mimado. um dia meu tio aranjo uma namora . e ao fim duns tempo levo ela la casa para a gente conheser ela quando avi fiquei feito parvo olhando para ela era muita boa umas boas namas um cuzinho todo arebitadinho merena cabelo preto pelo meio das costas um traço se melher . o tempo foi passado um dia meu tio me estava dando banho e ela chega la a casa e meu tio disse esto na casa de banho dando banho ao meu sobrinho podes entrar e ela sim fes entro e fico olhado. para mim e nao disse nada pois eu ja tinha 12 anos e uma picha que media 14,8 e 2,5 . e meu disse espera um pouco ja esta quase tirminado ela nao tirava os olhas da minha picha . ficamos por ali ao fim duns dias minha vo disse va vamos tumar banho se despacha e fomos tumamos banho os dois normal . minha tia que estava em casa comento . e eles responderao nao tem mal nisso . o tempo foi passado e meu tio disse vamos tumar banho e disse sim ja vo e minha tia respondeu eu tbm pressiso tumar um banho e neu tio disse esperas um pouco ou podes tumar banho com ele e ela disse tomo banho com ele . meu tio disse estabom e me chamo se despacha . e eu foi para a casa de banho me estava despindo e entro a minha tia e disse hoje vai tumar banho com migo e sorrio para mim . e se comesso a despir eu olhando para ela e ficando cheio de tusa vendo aquela xoxinha pelada e as maminhas ui ui que bom .fomos parao banho e ela me comesso a esfregar as costas o peito e paro e se volto de costas para mim e mepediu para esfregar as costas e esfregei estava com um picha so vendo e ela se agaicho e fico com a sua xoxinha bem na frede da minha cara que visao fiquei doido ela olho e sorrio se volto me me comesso a esfregar de novo se dobro para me lavar as pernas e bateu com a cara na minha picha mas continuo como se nada fosse quando se foi levantar agorro na minha picha e pinhetome um pouco e deu um veijo e me fes sinal nao se passo nada ok . e ficamos por ali . as veses tumavamos banho os 2 ou os 3 com meu tio e ela me lavava todo incoluindo a minha picha meu tio via mas nao dissia nada . ela se ia vestir para nosso quarto e as veses deixava as cuiwuinhas na minha cama e eu cheirava e batia punheta ha noite penssado nela .e pasava minha picha nas coequinhas. dela mesmo sem espora ainda nao tinha . meus tios se casarao e forao para o estrageiro a procura de uma vida melhor agwnte se afasto um pouco . eles tiverao um menino e uma menina e voltarao ha uns anos para portugal e meu tio falceu ha 3 anos de enfarte . minha tia vem aqui mais veses agora desque meu tio morreu como esta mais tempo sozinha em casa . o meu primo tem 23 e esta na marinha passa muito tempo sem vir a casa e minha prima tem 16 e esta a estudar . numa dessas vissitas dela no verao eu estava em casa como trabalho numa praça e saio as 5 damanha e so chego por volta das 15 e quando vo a lota chego por volta das 20 . nao tinha ido a lota e estava dormimdo um pouco passando pelas brasa e ouvi voses na marquise e fui ver era minha tia estava falando com minha avo e eu esti uns calsoes e fui la fora e ela se levanto e deume 2 beijo estava se mais de calça de licra preta toda justinha e de belusa um pouco decotada uma brasa sentamos e fomos falando ela levanto a perna e pos no braço da cadeira eu olhei logo um papo de cona ui tudo endiado na cona comesei logo ficando com tusa e ela reparo mas desfarso minha vo disse vo la asima boscar alguma coisa para bebermos . nos moramos em casas separadas eles no primero andar e eu no resto de chao e la foi ela nos ficamos falando minha tia tinha a mao na perna e fio descendo muito de vagar ate a cona e passo com o dedo bem no meio dos beisinhos da cona fiquei com um pau ela olho e sorrio minha avo veio e desfarço asim como eu falamos mais um pouco e bebemos um sumo e minha tia disse tenho que ir andando para casa se levanto com tudo enfiado na cona estava lida com aquelas calças de licra preta e foi indo . alguns dias depois minha avo e meu avo me perguntarao se os podia ir levar de madrogada de sexta seira que iao a uma escorsao ao norte de portugal e eu perguntei a que horas as 6 e eu disse sim posso mas vo primeiro pergunrar a munha patoa ae posso entear um pouco mais tarde e ela disse que sim . eu perguntei para eles quando vanhao e eles disserao domigo no final do dia e eu disse mas esta de chuva e muito perigoso deviao ficar em casa mas eles disserao que iao e eu ok. e asim foi . foi levalos . no sabado cheguei a casa de pois dum dia de trabalho e o dia que setrabalha mais . estava chuvendo chuva molha parvos . fui esender a lareira e me despi e fui tumar banho estava me lavando ouvi a cobpainha da rua tucar pos a tualha a volta da sintura e fui abrir o pertao da rua era minha querida tia mandei ela entrar estava chuvendo um pouco efomos para a marquise ela me pergunto pelos avos e eu disse quetinhao ido a uma escorçao evoetguntei por minha prima ela me disse que tinha ido a casa duma amiga . perguntei se ela quria entrar e ela disse que sim entramos e perguntei posso fechar a porta para nao sairvo calor .e ela respondeu claro que sim . fomos para a sala e eu disse me desculpa mas vo terminar o banho num estante tia e fui entrei na casa de banho mas deixei a porta abera ja e abito pois como moro sozinho esto abituado a andar avontade ligei a agua e tirei a tualha ela vinha a passar e olho e me pergunto tem alguma coisa para beber e eu olhei para ela e disse tenho sim tia e me voltei para ela todo num pois ela olho fiquesamente para o meu caralho que ja e mais grandinho 23,8 de comprimento e 4,5. de espessora um mostrinho lol e foi a cozinha e perguntei o quer beber ela me disse um cha bem forte e eu disse um daqueles meus ela disse pode ser nao tirava os olhos do meu caralho fui a caixinha e peguei um pouco de canabis e pos na chaleira e olhei para ela estava com os bikinhos das mamas todos asessos meu caralho em grosso um pouco ela nao tiro os olhos dele e disse cuida do cha que eu volto ja fui tumar banho . ao fim de alguns minutos terminei me ia linpar ela foi ate a porta olho para mim e disse o cha ja esta pronto e fico ali me vendo linpar me pergunto posso tumar u tbm . disse claro tia esta a vontade ela entro e se foi despindo de mais tirro a belosa devar o sutian que lindas masmas ela tem 48 anos nao sei se estao a ver tiro as calsas de ganga tinha umas cuequinhas de fio dental prentas rendadas tiro se voltovde costas para mim se debro e comeso a baixar as cuequinas estava tudas coladinhas a sua xoxinha foi baixando devagar lindo toda carnua linda a cona dela dei um passo parra a frente e lhe toque com o meu caralho na cona que bom estava toda mulhadinha e quente ela olho e ento no banho e sorrio para mim eu olhei e foi por ma manta nimo chao sala e umas almofadas asendi umas velas apagei a luz e pos o cha e o cachinbo de agua e peguei uma tualha para ela e foi a casa de banho ela se estava esfregando toda olho para mim e comesso a passar a esponja suave mente no pescoço foi deschendo nos peitos e sempre olhando para mim as pernas se viro de costas para mim e se dobro abrio um pouco as pernas que grande cona comesso a passar com os dedos na cona e abrido ela e olhava para mim pos um dedo dois tres e começo podo e tirando estava com um caralho bem duro fui ate a porta do chuveiro que de vidro e ia entrar estava com o meu caralho na mao cheio de tesao ela olho e disse aperecia ei de fora e eu fiquei vendo ela fodendo com os dedos ja nao aguentava mais a tesao ela se levanto passo agua na cona e chupado oa dedos olho sorrio para mim desligo a agua e saiu do duche me olho nos olho jego a mao ao meu carolho chego perto do meu ouvido e disse que granda vara que tu tens nunca vi nada asim se ajoelho e comesso a mamar mal cabia na boca ela chupado passando a mao e mechendo na cona uns bons minutos pegei nela ao colo e levei para a sala deitei ela abri as pernas e comesei a lanber-lhe a cona devagar chupado o grelo enfiando a ligua na quela coninha toda alagada ela se veio bem na minha boca gemendo e me agarando na cabeça eu estava com o caralho em braza foi beijando ela ate a boca comesei a beijala e comesei passado com a cabeça do meu caralho na cona dela ela me agarando nas costas e abrindo as pernas todas comesei a emfiar a cabeça do caralho ela se torcendo toda e me disse que grosso me vais rebentar toda e eu metendo estava me doendo ela estava apertadinha nunca tinha comido um caralho asim na cona fui emfiando mais um pouco parei ela se turcia toda comesei a tirar devagar e voltei a por mais um pouco ela se esporo toda gemendo e me aranhado as costas e me dissendo que sensaçao boa lhe abri mais as pernas e fiquei a faser um pouco de força nelhas estava toda aberta tirrei um pouco e dei uma bonbada rapida entro quase todo ela deu um grinto e senti ela tremer toda revirando os olhas e dei outra e outra e outra bombada bemforte e entro todo ela berrando e tremendo escoria de fio o seu leitinho da cona tinha os tumates todos mulhados me aranho as costas toda esperei um pouco com ele toda la dentro da cona e voltei a carga emfiando toda estava loca se esporava sem parar tirei e me esporei bem para cima da bariga dela e pos o meu caralho em cima da bariga ela olho e comesso a rir e me comesso a beijar quando se levanto estava uma possa de espora dela na mata que eu tinha posto e me disse nao tenho força esto tremendo fomos tumar um duche para relachar e eu ainda tava com um pau ela nao tirava os olhos dele e me disse ja tinha ouvido falar que tens um bom caralho mas nunca pençei que era asim tao bom e perguntei onde ouviste isso em conversas de mulheres ja fudeste algumas amigas minhas e nao foi so uma ves e ate sua prima ja ouvio e comento com migo que ja fudeste uma amiga dela e eu nao disse mais nada fomos para a sala beber o cha e fumamos tivemos um pouco ali e como messamos no rossa rossa e ela me disse des que eras pequeno sempre quis sentir esse carralho dentro de mim parti para cima dela sem do comessei a emfiar de vagar para nao aleijala muito e depois comesei a fodela bem forte ponde tudo dentro dela .voltei ela pos de gatas comesei a fodela por tas ha canzana enfiado tudo ela gemia feito uma cadela e se torcia toda quando eu emfiva o meu caralho todo dentro da sua cona estava tuda aberta quado tirei o caralho e lhe disse agora o cuzinho suas amigas nao lhe contaram que eu gosto de estourar com o cuzinho ela olho e disse se tem que ser me fode hoje so a sua puta me arebenta toda fui boscar o gel e comesi a passar e a emfiar o dedinho me levantei e aponrei a cebeça do caralho no cuzinho dela muito apertadinho e comesi a enfiar ela grintado para esta duendo muito e eu enfiado tudo tudo mesmo quando estava todo nu cuzinho fui tirando devagar tirei pos um pouco mais de gel e voltei a enfiar um pouco mais rapido e comesei a comer o cuzinho lhe estava dado com fe e senti um janto saindo de sua cona e me batebdo nos tumates e comesei fudendo mais forte senti outro jato e tirei do cuzinho e emfiei dercto na cona tudo de uma so ves ela caii de boca na carpete e fui fudendo dando grandes bomdadas. ete me esporar toda na cona dela gemendo os dois ao mesmo tempo fiquei um pouco com ele todo la dentro da cona dela comesei a tirar ela estava com 2 buracos lindos e tinha a cona inchada lindo e vendo a minha espora saindo de dentro dela e ela toda traspirada . ficamos os dois um pouco deitados na mata ela estava eusasta e eu tbm foi lindo
Foto 1 do Conto erotico: minha tia


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario aventura.ctba

aventura.ctba Comentou em 20/11/2014

Que delícia de conto, simplesmente adorei, teve meu voto. Tenho contos novos postados,leia meus contos, comente, vote se gostar, eu e meu marido iremos adorar. Ângela: Casal aventura.ctba.

foto perfil usuario terranova

terranova Comentou em 18/11/2014

delicioso conto. Beijos!!!!

foto perfil usuario eu21

eu21 Comentou em 18/11/2014

Também tenho um caso com minha tia. Gosto destes contos e gostei do teu. Bati uma punheta pra tua tia bucetuda. abraço.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


57041 - adorei - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 1

Ficha do conto

Foto Perfil cup21
cup21

Nome do conto:
minha tia

Codigo do conto:
56455

Categoria:
Coroas

Data da Publicação:
18/11/2014

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


conto erótico noraponheta olhano subrinha quadrinhos pornoNegros solteira suruba contocontos eróticos de amigas de mae rabudascontos da gorda safadacontos erotico cheirei a calcinha de renda da irmaconto gay sou mulher do sogrocontos pornor lebian incestuoso com enteadasvelha di90 ta anos pau enome xvideigifs d macho roludo fudendo colega da academia conto eroticoconto erotico dano po meu sobrinho jumentoxvidios gaybaile de carnaval putariacontos com fotos cfm casais com dotadoscontos eroticos esposa no club piscina rabudacasetudu de goianiaconto erotico gey com foto o pedreiro negãocomeu meu cuzinhocontos porno na mataver contos eróticos transei com minha sogra taradacontos eroticos minha mulher bebadaContos Eroticos Comi a Namorada do Meu AmigoCONTOS EROTICO CHANTAGEANDOmassive cocks hand jobfotos dê jeba descomunalmeladas de manteiga no cuXVídeos e****** três negão marido honhado novinha brincado de medicocontosconto erotico gay dotadomae super rabuda sendo chantagiada pelo filho conto erodicocotos.eroticos.de.novias.com.negaoporno gostoso en quadrinhoRelatos eroticos: o espancamento de minha mulhercontoseroticosdando mamaconto erotico boquete ceagespcontos eroticos perdi a aposta e me.dei malContoeroticosurubaconto erotico fodi minha companheira de trabalhojanaina meu sogro tem. pauzaosedutoras e marrentas parte 4 contos eroticoscontos eroticos comi minha empregada na minha camaManuela Monte porntambaba+sexoprincesa de conto de farda pornoconto erotico prima desmaiadaContos ai meu cu tiowww.bucetadeamanda.com.brcontos eroticos minha mulher nao aguento o roludo no cinemamae super rabuda sendo chantagiada pelo filho conto erodicoContos eroticos dei o cu pro maconheiro pauzudoo ginecologista enfiava o dedo na minhs mulhercontoscontos com fotoscfm casadascontos eroticos meu marido bi no swing reicontos eroticos/dando o cu pro garoto de oito anoscontos eroticos bandido me fez comer a maemulher engrossa com as maos o pau do seu cachorro zoofiliacontos eróticos metamorfoseDragao ball z hentay quadrinhos gayhttp://contactpromo.ru/sulista00/amigoscontos seduzida pelo pauzao do papaiConto erótico de saia curta deu no ônibuscontos dei banho na minha filhinhContos de esposas no menageConto ertico gay - Aconteceu Amor Cap. 15contos erotico dei calmante a minha maê para lhe comercontos eroticos casadinha vizinha do negaoconto erotico inesperadowww.fudendocoma mante.comcontos eroticos em quadrinho d mulher q foi chantageadafoder buceta da professora rabuda de sainha no pomarcontos eroticos de incesto ladroes pegando a novinha.bucetinha da d8 lro adotafFotos de cusinhos judiado de tanta pistoladacontos eroticos categoria um putinho com dois homenscontos eroticos de madastra