Estuprada no Parque


Click to this video!


Tarde de sol, eu de folga do meu trabalho, animada para ver pessoas.
Me arrumei, claro de uma maneira simples pois eu estava para ir ao parque aqui mesmo, no bairro, perto de minha casa.
Coloquei um vestido florido e rodado. Um sadàlia rasteira branca, levei um casaquinho de algodão fino amarrado na cintura.
Deixei meus cabelos sedosos e longos soltos, estão ruivos, pintei a quatro meses e gostei muito, o tom deixou meu rosto mais jovem, com ar sedutor.
Estou fazendo natação a dois meses e ja percebo as mudanças em meu corpo.
Como estou ouvindo.....estou escultural.!
Não estou namorando nem conhecendo ninguém. Fico as veses chateada de estar sozinha a tanto tempo. Mas estou bem, me divertindo comigo mesma. Digo......
Me masturbando, me tocando,lambendo meus dedos molhados do mel da minha xana......
Fui eu passear..
Muitas pessoas nas ruas, havia uma banda logo próximo animada, tocando bom som, com algumas pessoas paradas ali, dançando!. Sim, tinha um pessoal bem alegre dançando.
Eu continuei minha caminhada até o parque.
Parei tomar um sorvete. De abacaxi. Adoro!
Sentei no banco a frente da sorveteria e ali fiquei uns 15 minutos observando as pessoas, o céu, os carros....Paquerando.
Nada aconteceu. Então fui ao parque, mais treis quadras e chego.
O parque vazio, que estranho, tanta animação nas ruas e aqui nada!. Tudo bem, não estou tendo sorte com outras pessoas. Falo pra mim mesma e vou caminhar por dentro das arvores que deixam o parque com ar misterioso e aconchegante.
Um homem! rs, fiquei animada.
Chego mais perto dele.Ele está sentado, parece sério, brabo, tem barba, veste calça e camiseta vermelha, tem boné na cabeça. Dou uma passada por ele e continuo andar sozinha.
Pensando em minha vida, minhas rotinas diárias... Já havia esquecido o homem misterioso quando levo um susto.
-Búuu.
-Ai.Eu grito.
Ele tapa minha boca me prende entre seus fortes braços e puxando.me sou levada por ele a força não sei para onde.
Vejo que estamos entrando em uma pequena casa ali mesmo dentro do parque.
Não tem nada, nem janelas tem.
Ele abaixa as calças . Sem cueca, vejo o pau dele duro grande e babando.
Ele tapa minha boca com força tira meu vestido todo, estava sem sutiã, ele chupa, meus peitos, com força suga meus mamilos, morde os bicos. Lambe como cachorro. Bate o pau dele durrérimo e soltando baba na minha barriga,por entre minhas pernas dando pauladas literalmente na minha xana.
Ele manda eu calar a boca, e desce chupar minha xoxota.
-Bucetão gostoso hem dona.
Ele lambe toda minha xeca dando uma parada no meu clitores suga morde, uma vontade que me exita,gosto do como ele é selvagem e bruto.
-Abre as pernas.Ele me fala.
Eu abro as pernas ele passa todo o rosto na minha xeca, vira.me lambe meu cu, enfia a lingua dentro e dando voltadas rápidas por fora e por toda minha bunda.
Ele me abaixa puxando.me com estupideza meus cabelos, enfia o cacete dentro da minha guela.
O pau dele esta sujo, fedendo, mas eu sinto minha xoxota soltar mel do tesão que ele me da .
Engulo toda pica dele,ele soca, bomba na minha boca, enfia ate minha guela me fazendo engasgar,minha boca escorre baba pois ele não me da tempo para respirar. Ele tira a pica bate com força na minha cara.
-Poe a lingua pr fora sua vagabunda.
Coloco a lingua pra fora e ele esfrega o pau na minha lingua,bate na minha lingua de pica.Ele abaixa,lambe minha lingua, cospe na minha boca, me da tapas na boca.
Me vira de costas para ele, e meu coração dispara, minhas mãos estão suando,minh pernas bambas,.Ele soca o cacete dentro da minha buceta. ele ainda tapando minha boca com as mãos, me segura com a outra mão minha cintura, ele aperta, chegando me machucar.
Meu Deus! minha buceta está melada e chei de tesão, que delícia esse sexo obrigada força por um estranho.
-Bucetão bom de fuder.
Ele soca, soca enfiando toda pica dentro da minha xeca, sinto o cacete grande e grosso fudendo todinha eu, e adoro isso.
Ele derepente tira a pica, me puxa boca.
- Chupa vadia, meu pinto.
Chupo o cacete dele melado do meu mel e da baba dele que solta. aproveito e chupo as bolas do saco.
-Ui, que boa bolas. Não pude evitar e falo.
-Chupa vagabunda.
Chupo de volta o pinto todo enchendo minha boca de pica suja.
Ele me vira soca com tudo no meu cuzinho que ainda poucas veses fiz anal.
-Ai. solto grito de dor.
Ele me bate na cara e manda eu calar a boca.
Ele não da atenção a minha dor e fica bombando dentro do meu cu, me empina mais o rabo pra ele .
Logo esqueço toda dor.
Ele me masturba a xeca,enfiando os dedos sujos dentro e dando na minha boca para eu chupar.
Ele aperta meus bicos dos peitos, doem muito.
Ele me vira de frente, levanta uma perna minha coloca a pica dentro da minha xoxota enquanto chupa meu peito.Cospe na minha boca e me bate na cara.
O pinto dele preenche toda minha xeca, da muito tesão esse homem que com força bruta me trouxe pra ser comida.
Não sei se a muito tempo não transo ou este misterioso realmente está sabendo meter em mim toda.Pois estou gostando dele estar sujo,me batendo, sendo obrigada transar .
Gosto da pica grande dele que me fode cu, buceta e boca toda .
Ele soca na minha xeca, lambendo meus peitos como um animal selvagem,mordendo beliscando.
Ele tira a pica de mim, me coloca de joelho no chão e solta porra na minha cara.
-Abre a boca vagabunda, toma porra minha.
Abro a boca e grande quantidade de porra sai da pica dele direto pra minha garganta.
Tomo toda porra dele, lambo a cabeça do pinto, lambo o pau inteiro.
Ele não satisfeito, me vira a bunda pra ele socar denovo no meu cu,
Ja acostumei com a dor, mas ele fode bomba no meu rabo, aperta meu quadril, me da tapas na bunda deixando arder meu bumbum.
Ele grita e morde minha orelha.
-Gozar dentro desse cuzão. encher ele de porra, sua vadia gostosa e safada.
Ele goza agora dentro do meu rabo, deliciosamente feliz engolindo essa pica malvada e saborosa.
Termina o sexo, e ele me manda vestir a roupa e ir embora.
Obedeci de imediato e a caminho de minha casa fui sorrindo feliz sozinha lembrando como esse homem fez comigo. Senti dor na xeca e no cu, fazia tempo não transava e..
Apesar de isso ter sido um estupro eu adorei cada momento e feliz hoje durmo sonhando que essas coisas podiam acontecer mais veses.



Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


67534 - Primeira vez de tudo - Categoria: Heterosexual - Votos: 11

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico ludmila

Nome do conto:
Estuprada no Parque

Codigo do conto:
67638

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
12/07/2015

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


sogracontoeroticocontos erotico icesto calca lelggvelha goza no pauzao contossamba porno zool conto de incestoContos bandido arrombando cu da vizinhacontos eroticosContos eroticos odio e amorContos e fotos sobrinhos pauzudosquadrinho erotico engravidouconto erotico comendo a bucetinha da doidinhaconto erotico meu filho armou pra mecontos eroticos incesto maravilhosoContos porno castigando a esposa desobedienteconto erotico de travestisConto erotico eu sou uma coroa casada de 45 anos muito carenteconto porno saiu sanguecontos pornô de zoofilia virei a femea do meu cão pauzudo e carinhosoprofessora bunduda2 quadrinhos eróticoscontos erodicos minha mulher me deu gostosomommy+andptite+fille+love+blacklong+cockconto esposa do amigo gayesposa com amigo de corno no banheiro xhamaterdeixar papai ver essa bucetinha contos incestoconfesso que ccontos eroticos chupando minha betaporno filho Engravidar mae dormidocontos negao da rola jumento arromba velhacontos sexo bizarro c pauzudo50 sentimetro de pica rasgando a buseta da insesteContos erotico mim fantaziei de cachora para meu filhoconto minha esposa e amiga travesti super roludostrip poker sogra sogro genro e nora contosconto de primo fudendo primacu cheio de leite pro corno contoscorno geye a esposa com dois homens em casaviadinjo da bimda rrdonda contos eroticoscontos com trepadss de casadastirei o c******** da Camila minha enteadacontos eróticos empregada humilhadaconto erótico do tionovinha toda escancarada molhada greluda comContos eroticos.eu e os velhinhos no grupalfotoporno(baixinhagostosacontos eroticos de maes sendo acediadas pelo filho reaiscontos eroticos papai incertosmeu amigo minha mae conto eroticocontos eroticos fodendo a vendedora de rifas novinhamarido fica bêbado e dormir a esposa trai ele pela primeira vez e perder o cabaço do cu e as pregas do cu com super dotados contos eróticosConto erótico mão amiga entre garotos gays com fotosconto gay vi meu pai foder meu amigo meu cu picodei minha esposa p meu amigo viuvo carente conto eroticoconto erotico esposa casada gravoda pro entregador de gassexo conto erotico socando bombando bucetavvideo mulhe da buceta mais qabiluda melada de porreeroticotransando com cunhada mais sobrinhacontos super safadosconto chantagem prima e tiacontos eroticos de vovô faz netinho de femêa para fuder gayscontos eroticos casal caipira e patraoComendo o rabinho da menina moça contos eróticosconto erotico em quadrinhõconto erótico comi o minha amiga bicontos eroticos gay cheiro de rolatravesti contoconto erotico gay pai também não resistiu ao filho safadinhotravetividiopornosafada com tesâo nao resiste a pinto contoporno Anal doendo muito deitadas de bruçosconto herotico leabico com luanamaninha nao aguentou de tanta tesao i goza na picaMeus tios fodia minha mãe. Conto erotico heterosexual.conto erotico edna costureiraGugamrapconto erotico quadrinhos uma menina frutadminha cadela se viciar em mim dar cu contos erotico zolofilaxvidio desejo vestido bucetaopornô Taboo mãe pecadoraeu e meu irmão no feriado sem nossa turma de amigos eu e ele no hotel meu irmão ele fudeu minha buceta conto eróticocontos travesti dividindo um apê em toronto canadamulhuer peladas calcinha fio dental videochupando cachorro contoo pai ordem Elisa buceta da filhaminha erma. novinha xupau meu pauzaominha mãe e minha avó junta conto eróticocontos tiachupa garoto dotadoConto erótico dando a boceta para o namorado virtualconto erotico fudendo meu maridoconto erotico do vendedor de rua e o gayHq Ay papi porn picscontos sexuiasfilho conto eróticoContos eroticos bulinando minha enquanto ela fingia dormirconto erotico patroa taradascontos erotico presente. para esposa