Minha esposa se apaixonou por outro


Click to Download this video!


Minha história começa quando eu tinha 25 anos (hoje tenho 40 anos). Com meus 25 anos já namorava com minha esposa Karla(fictício), uma linda morena, de corpo escultural, com 1,67m e 55 kilos muito bem distribuidos.Talvez por ela ser separada na época, onde ficou casada apenas 01 ano, começou alí o meu desejo de vê-la com outro homem. Namoramos e dois anos após estávamos casados. Durante nosso namoro e o início do casamento, sempre tive a minha fantasia, porém nunca comentei com ela, por achar que não aceitaria, que me chamaria de louco e que passasse a considerar que eu não mais à amava. Com mais ou menos uns quatro anos de casamento,senti segurança e comecei a comentar com ela, durante nossas transas, que ela era muito gostosa. Que ela não era mulher para um homem só. Claro que falava nos momentos de êxtase e assim ela não falava nada. Apenas eu sentia que ela gosava ainda com mais tesão. Com o passar do tempo, nossas transas se tornaram mais quentes e eu já falava mais abertamente dos meus desejos e ela aceitava e adorava que eu falasse coisas do tipo, "imagine agora, eu fudendo vc por tráz e vc chupando o caralho de outro" ou "imagine um outro caralho no seu cuzinho enquanto eu como a sua bucetinha". Ela ia à loucura, mas sempre que terminávamos nossa transa, não conseguíamos continuar falando da mesma forma. Parecia que seria somente uma fantasia, criada por mim e aceita e alimentada por nós dois, porém nunca teríamos coragem de colocá-la em prática, por vários medos. O medo de não ser como imaginávamos e nos decepcionarmos. O medo de fazermos com uma pessoa errada. O medo de doenças e o principal medo de que ela se apaixonasse, pois ela sempre falou que se fizesse, deveria ser com uma pessoa que ela conhecesse e que houvesse algum sentimento por esta pessoa. Mesmo que este sentimento fosse apenas tesão.
Os anos foram passando, nossa fantasia continuava firme, nosso desejos continuavam os mesmos, compramos vários brinquedinhos nos sex shopps, principalmente pênis, dos mais variados tamanhos, para fazermos de conta que fosse outro homem à penetrá-la. Dez anos de casados, já imaginávamos pessoas com nomes. Um antigo namorado dela. Um grande amigo meu. Um amigo dela ou nosso. Mas tudo não passava de uma fantasia. Até que mais ou menos há uns dois anos, em um evento que nossos filhos(temos dois) participavam, encontramos com Pedro(fictício),uma pessoa conhecida minha,separado e que eu não o via há uns 5 anos e que o seu filho também estava participando. Cumprimentei-o e o apresentei à Karla. Neste momento sentí que houve um olhar de desejo entre os dois. Muito discreto, mas senti. Ao retornarmos para casa, comentei com Karla o que eu havia notado e ela me disse que da parte dela não e que também não notou nenhum olhar mais intenso de meu amigo. Que não houve nada, mas que meu amigo era realmente uma pessoa muito bonita. Bastou ela dizer isto para que eu não parasse mais de pensar em um possível ménage. Muitas transas aconteceram após este dia e sempre ou quase sempre eu o imaginava em nossas transas e fazia com que a Karla também passasse a imaginar. Foram transas deliciosas e loucas. Foram mais ou menos uns seis meses de fantasias até que tomamos coragem e convidamos o Pedro para participar de nossa história. Não foi nada fácil chegarmos ao convite e também não foi nada fácil de convencer o Pedro, pois ele dizia que realmente achava a Karla uma delícia de mulher, mas temia que nosso envolvimento pudesse atrapalhar uma amizade que ele estava considerando sincera e até mesmo pela amizade de nossos filhos. Mas o desejo e o tesão que estávamos foi mais forte e finalmente, depois de muita conversa, fomos para um motel. Estávamos os três muito nervosos e eu achava que não conseguiríamos. Então resolvi me ausentar por alguns minutos e deixá-los sozinhos para "quebrar" o gelo. Após uns quinze minutos, retornei e a cena que ví, me deixou realmente atordoado, num misto de ciúmes e tesão. Karla, minha linda e gostosa mulher, que até o momento e durante uns treze anos, foi somente minha, estava alí, em minha frente, abraçada, entre beijos e passar de mãos, com Pedro, numa volúpia intensa. Não demorou muito e estávamos os três, nús, e loucos com tudo o que estava acontecendo. Durante um ano, fizemos de tudo o que imaginávamos. Claro que com muito carinho e respeito aos limites de cada um. Porém no decorrer deste um ano, passei a sentir que, a cada momento em que estávamos os três fazendo amor, servindo nossa Deuza, eu ficava cada vez mais de lado, que o grande tesão e envolvimento estava entre Karla e Pedro. No início considerava uma atitude normal, pelo fato de que eu era o marido, estava sempre com ela e o Pedro era o novo e grande parte do tempo ausente. Mas as coisas foram ficando difíceis, ao ponto de eu me considerar um "estorvo" e totalmente descartável e sobrando nesta história. Eles notavam minha distância cada vez maior, porém consideravam que eu estava satisfeito, pois realmente eu ficava me masturbando intensamente enquanto eles faziam amor. Eu não estava satisfeito, mas minha fantasia estava acontecendo. Eu sofria mas me realizava. Até que Pedro e Karla, notando minha forma diferente no relacionamento, abriaram o jogo comigo. Eles estavam realmente me respeitando, em momento algum eles sairam sozinhos( sabiam que eu não suportaria), mas que com toda esta história, eles acabaram se apaixonando. Explicaram que não foi nada planejado, mas acabou acontecendo e eles não mais podiam esconder este sentimento de mim. Nesta conversa, Pedro, mesmo que contra a vontade, nos disse que, em virtude de me respeitar, de não querer ser o responsável pelo fim de um casamento e de uma família, iria embora da cidade. Iria sofrer e sabia que todos também sofreriam, mas considerava ser este o melhor caminho. Karla, também disse que sofreria bastante com a ausência de Pedro, mas tinha a convicção de que também me amava e não estava disposta a jogar tudo para o alto.
Pedro realmente nos deixou. Hoje, seis meses depois, mantemos contato com ele por telefone. Disse-nos que está bem. Que tem um imenso carinho por nós e quer nos ver felizes. Karla já não está mais tão triste, pois o tempo faz com que tentemos voltar ao normal. Hoje Karla diz-me que nossa história foi muito boa, mas infelizmente seguiu por um caminho não desejado e que não pensa mais, nunca mais, participar de histórias como a que vivemos. Entendo-a e respeito. Mesmo eu ainda tendo o desejo de participar de um ménage. Portanto, vc casal, que nos lê, que reside em Floripa e/ou região e que tenha o desejo e coragem de fazer um menage masculino, com muito respeito, segurança, carinho, discrição e higiene, me contatem. Karla sabe que contnuo mantendo este meu desejo e liberou-me para paticipar com casais, que ela não conheça e que não nos conheçam. Meu nome é Charles, tenho 40 anos, muito boa aparência. Branco, olhos verdes, 1,80 m e 80 kg. Resido e trabalho em Floripa.
Um grande abraço!
Charles

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico charles casado

Nome do conto:
Minha esposa se apaixonou por outro

Codigo do conto:
9263

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
30/03/2010

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


pauzao para meu marido e eu, exibidacontou.erotico.com.conhada.cogra.foto.sexoconto mulher levou pau na faculdadeconto porno papai e eu imitando fie pornpclimax contos encoxando a vovofoto do cuzinhodaminha filhacontos eroticos meu namorado mearromba todacontos eróticos de gays no cinemamaesafadacontoconto marido safadocohto com negra novinha sofrendo pra perder as preguinhas do cuContos e fotos de sobrinhos pauzudosVer contos de homens negros que arregaca mulherbaixinhas na dp conto eroticofui pescar com amigos e marido fuderao meu cucontos eroticos desde pequena gosto de grupal agora casadaConto comi minha tiaContos chupei muito o pau dlc (gayscontos eroticos velha donzelaconto erótico papai obedecernovidade quadrinho erotico 3dminha esposa arrumou macho chegou mandando em tudo contosfrancinecross crossdressConto erotico de prima na pica de 28contos eróticos sequestrada e grávida no estuprocontos com cinco ano dei bucetacontos eroticos chantageada pelo megadotadoquero ler conto erótico arrombei o cuzinho virgem da minha avócontos eroticos traindo com picudo num canteiro de obrasconto erotico trasando mulher velinha bucetinha inchadinhaconto erotico caminhãonasauna corroas inseistomeninas da buceta piquena e apertada virgemporno de nuas de margarinas ate no cu da amigascontos eroticos de maes sendo acediadas pelo filho reaiscontos eroticos beira de estradabuceta gibi as mais excitantesdei pro amigo do meu marido/contoscontos buceta da primavariedades de conto quadrinho nacional corno manso pornôconto erotico vi minha sogra se masturbacontos eroticos estrupei minha subrinha deficientehentai hq engravidandocontos erroticos de incertos filha amante pai 2017 ltimas publicaes minha namorada me traio com meu tioflagrei minha cunhada cheirando minha cueca contos eroticosver.,mulher com roupa. eroticavideo mendingas travestis metendo pirocao na amiga no banhocontos eroticos encoxada no onibusso gostosa de shortinho socadocuzinho bem melado de cdzinha conto eroticofudendo no onibusDeixei meu irmão de pau duro quando sentei no colo dele contos eróticosContos de tias e sobrinhas safadasmenina. motara.abucetaXVídeos comendo a filha do ituanocontos eróticocurto quentes de lésbicasperdi as preguinhas do cu quando era pequenahentai gay quadrinhoconto erotico com padres coroasContos eroticos amigos na punheta e mao amiga no carroconto erotico de pedreiro e esposa de cornotirei o cabaço da minha enteadaxvidios gay esperma na baladacontoeroticodfcontos eroticos sou casada virei empregada do vizinho parte 15contos eroticos maduras adorei a piça gg deleconto erótico gay. meu amigo gamou no meu paiWww.imagemporno.com.brporno cunhada bebadaconos ou videos que alcançamos o orgasmo tripoponheta olhano subrinha quadrinhos pornocomissarias rabudas contosronicleisilvaencoxada no onibus contocontos eroticos com primos npvonhosmulher passa margarina no cu da amigaconvenci minha mulher a dar a buceta pro nosso filho de doze anos contos reais e veridicosconto viado pede e imploracontos eroticos cu arrebentadomeu padrasto e seus amigos me fodem contos eroticoscontos erotico meu pai mim fez de corno familiar 02contos erótico mostrando a picacontos de sexo com o entregador de gascontos de sexo picante dupla penetraçãocontos erotico-meu cu é teuContos eroticos minha esposa gostou quando eu disse que eu ia fuder o cu virgem da minha filha no motelfotos a censala hetai gaycontos com cinco ano dei buceta